Desenvolvimento industrial e ampliação da Casa da Mulher Brasileira marcam janeiro de 2020

Mês também concentrou a participação da bancada republicana na maior feira de inovação esportiva do mundo, a ISPO Munich

Publicado em 01/01/2021 - 10:00

Brasília (DF) – O mês de janeiro de 2020 registrou importantes acontecimentos do Republicanos na política nacional. Na lista de notícias estão as reformas estruturantes em debate no Congresso Nacional, fomento à indústria, Lei de Informática e Plano Mais Brasil, além da ampliação da Casa da Mulher Brasileira para 25 municípios e a participação da bancada republicana na ISPO Munich, maior feira de inovação esportiva do mundo.

Marcos Pereira faz projeções para 2020 em reunião da Abit

A participação do presidente nacional do Republicanos, deputado federal Marcos Pereira (SP), na reunião do Conselho de Administração da Abit (Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção) e da diretoria do Sinditêxtil-SP (Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem do Estado de São Paulo) marcou o mês de janeiro de 2020. O republicano, que é presidente da Frente Parlamentar Mista José Alencar para o Desenvolvimento da Indústria Têxtil, comentou sobre as reformas estruturantes em debate no Congresso Nacional, Plano Mais Brasil e mobilização da indústria têxtil. Confira AQUI.

Pereira também reforçou a necessidade do setor se mobilizar com vigor para que suas pautas avancem em Brasília. “É necessário mobilizar, não só a indústria têxtil, mas a indústria como um todo para atuar de forma coesa, firme e pró-ativa. A indústria precisa aumentar essa articulação”, enfatizou o deputado. O presidente da Frente Parlamentar reafirmou seu compromisso em continuar trabalhando por uma gestão cada vez mais moderna e mais eficaz. “A indústria pode contar comigo para sempre trabalhar para facilitar o ambiente de negócios que gera emprego e renda. Mais Brasil, menos Brasília”, acrescentou o líder republicano.

Ampliação da Casa da Mulher Brasileira

Outro destaque para o mês de janeiro foi o anúncio, pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), da implantação da Casa da Mulher Brasileira em 25 municípios em 2020. O espaço é um local destinado ao acolhimento e atendimento humanizado às mulheres em situação de violência. O objetivo, segundo a secretária Nacional de Políticas para as Mulheres, Cristiane Britto (Republicanos), é facilitar o acesso aos serviços especializados de atendimento, garantindo condições para o enfrentamento à violência vivenciada, o empoderamento e a autonomia econômica da mulher.

“Iniciamos 2020 com novos projetos. A perspectiva é realizar muitas entregas para a sociedade. Entre os desafios destacamos combate ao feminicídio e a inserção das mulheres na política nas eleições municipais”, comentou Britto.

Republicanos na ISPO Munich

Parlamentares do Republicanos também marcaram presença na feira internacional do esporte em Munique. Os deputados federais Ossesio Silva (Republicanos-PE), Roberto Alves (Republicanos-SP) e Julio Cesar Ribeiro (Republicanos-DF) estiveram em Munique, na Alemanha, representando a Câmara dos Deputados na ISPO Munich – a maior feira de inovação esportiva do mundo, que teve a participação de mais de 2,6 mil expositores, entre empresas internacionais e governos de diversos países. O evento foi realizado entre os dias 26 e 29 de janeiro. A delegação brasileira firmou parceria com a Alemanha para futuros negócios no setor esportivo.

Projetos em favor dos idosos, menores e animais

Parlamentares da bancada do Republicanos na Câmara também apresentaram várias propostas no mês de janeiro. Uma delas, de autoria do deputado federal João Campos (GO), muda de 60 para 65 anos idade para pessoa ser considerada idosa. “Não existe mais justificativa para dizer que uma pessoa com 60 anos é idosa. A cada dia que se passa vemos mais pessoas atingindo essa idade com qualidade de vida, em plena atividade laboral, intelectual e até mesmo física”, disse Campos.

Em outra proposta, o deputado federal Roberto Alves (Republicanos-SP) defende a conceção à crianças e adolescentes o direito à reparação por danos físico, sexual, psicológico, moral ou patrimonial que lhes forem causados.  “A lei deve deixar claro que aqueles que praticam atos de violência contra as crianças e adolescentes devem ser responsabilizados pelo integral ressarcimento dos danos causados”, comentou Alves. Confira AQUI.

O deputado federal Vavá Martins (Republicanos-PA) teve relatoria aprovada pela Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados que pretende proibir condomínios residenciais de criarem regras restritivas à permanência de animais de estimação em suas unidades autônomas (casas e apartamentos) e em áreas comuns. O projeto também veda regras que restrinjam a permanência de animal doméstico em unidades ou nas áreas comuns sem especificar exatamente a preservação da segurança, do sossego ou da saúde das pessoas. Para o parlamentar, é preciso garantir ao indivíduo o direito de desfrutar livremente de sua unidade e das áreas comuns, desde que isto não represente ameaça à segurança, ao sossego e à saúde dos outros. Saiba mais AQUI.

Por Agência Republicana de Comunicação (ARCO)

 

Reportar Erro
Send this to a friend