Semana Republicana – 19 de outubro de 2019

Encontro para as eleições 2020 em SP, projeto que cria o Dia do Futebol Americano e debate sobre a Audiência de Custódia, são os destaques da Semana Republicana

Publicado em 21/10/2019 - 00:00

As eleições municipais de  2020 continuam movimentando a agenda do Republicanos nos estados.

Em São Paulo, o presidente estadual Sérgio Fontellas reuniu os coordenadores regionais para estabelecer estratégias, visando as eleições do ano que vem.

Os 22 coordenadores ficaram por dentro das novidades do Republicanos e foram orientados a buscar novas lideranças para fortalecer o partido nos municípios.

O foco é preparar os republicanos para apresentar candidatos a prefeito nas cidades com mais de 200 mil eleitores e ampliar a força republicana nas câmaras e prefeituras em São Paulo.

O deputado federal Capitão Alberto Neto, do Republicanos Amazonas, promoveu um debate sobre a audiência de custódia na Comissão do Código de Processo Penal, na terça-feira, dia 15.

A audiência de custódia é um instrumento processual penal onde o acusado por um crime, preso em flagrante, tem direito a ser ouvido por um juiz para que sejam avaliadas eventuais ilegalidades em sua prisão.

Segundo Capitão Alberto Neto, é preciso aprovar uma lei específica para regulamentar a audiência de custódia no Brasil. “A audiência de custódia, não existe uma legislação específica. Então, o Congresso faltou, está em falta com relação a isso.

Quero a ajuda de todos, de todos os entes, para construirmos juntos, uma legislação eficiente que dê resultado lá na ponta, que a sociedade se sinta bem representada por todos os órgãos”, explicou o deputado federal Capitão Alberto Neto

Você sabia que o Futebol Americano é uma modalidade esportiva em crescimento no Brasil?

E para contribuir com a promoção do esporte no país, o deputado federal Júlio César Ribeiro, do Republicanos Distrito Federal, apresentou um projeto de lei que institui o Dia Nacional do Futebol Americano a ser celebrado , anualmente, em 25 de outubro.

O pedido para criação da data nacional foi solicitada pelos próprios atletas como forma de valorizar e expandir o Futebol Americano no Brasil.

A modalidade conta com mais de 17 mil atletas registrados e mais de 70 equipes espalhadas pelo país.

Diminuição de impostos para a importação de equipamentos e a construção de espaço específico para a modalidade, estão entre as reivindicações da categoria, que tem contado com o apoio do deputado Julio Cesar Ribeiro na busca por soluções.

Agência Republicana de Comunicação (ARCO)

Reportar Erro