Setembro Amarelo: a vida é a melhor escolha

Artigo escrito pela deputada federal Maria Rosas

Publicado em 09/09/2022 - 14:08

Neste mês iniciamos a campanha chamada “Setembro Amarelo”, que faz referência ao Dia Mundial da Prevenção do Suicídio (WSPD), comemorado, anualmente, em 10 de setembro.

O tema da campanha deste ano é “a vida é a melhor escolha” e reflete a necessidade de atos coletivos para lidar com a questão, que é de saúde pública. Todos nós, familiares, amigos, colegas de trabalho, membros da comunidade, educadores, líderes religiosos, profissionais de saúde, autoridades políticas e governos, podemos tomar medidas para prevenir o suicídio.

Para muitos especialistas, o Brasil vive a “2ª pandemia” na saúde mental, com uma multidão de deprimidos e ansiosos. O total de óbitos no país por lesões autoprovocadas dobrou de cerca de 7.000 para 14 mil nos últimos 20 anos, segundo o Datasus, sem considerar a subnotificação. Isso equivale a mais de um óbito por hora. De acordo com os estudos, a curva vai na contramão do resto do mundo, mas segue a tendência da América Latina, de acordo com a Organização Mundial de Saúde, que atribui a piora à pobreza, à desigualdade, à exposição a situações de violência e à ineficiência de planos de prevenção.

A última pesquisa mais abrangente, da Vital Strategies e da Universidade Federal de Pelotas, mostrou que os que dizem ter sido diagnosticados com depressão subiram de 9,6% antes da pandemia para 13,5%, em 2022. A Associação Brasileira de Psiquiatria cita que um quarto da população tem, teve ou terá depressão ao longo da vida.

Na Câmara dos Deputados, tramitam cerca de 36 projetos de lei sobre o tema, como o PL 563/2020, altera a Lei 13.819/2019, para estabelecer o Programa Nacional de Prevenção do Sofrimento Psíquico no Âmbito Escolar, e para promover a articulação das políticas públicas que têm acesso às famílias para a prevenção e detecção do sofrimento psíquico.

É possível encontrar ajuda nos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), em Unidades Básicas de Saúde (Saúde da família, Postos e Centros de Saúde), em Unidades de Pronto Atendimento (UPA), Pronto Socorro, Hospitais ou em casos de emergência se pode optar pelo SAMU 192.

Também existem ONGs que prestam auxílio. O Centro de Valorização da Vida é uma associação civil sem fins lucrativos, filantrópica, reconhecida como de Utilidade Pública Federal, desde 1973. Para atendimento, basta ligar no 188 ou acessar www.cvv.org.br para chat, disponível 24 horas.

Nós, do Republicanos, defendemos o direito à vida e ela deve ser integralmente preservada. A vida é a maior riqueza que temos. Cuide da sua e cuide do outro!

*Os artigos publicados no Portal Republicanos são de responsabilidade de seus autores

Reportar Erro
Send this to a friend