Cabo Jhony Paixão cumpre agenda em Brasília e viabiliza recursos para Rondônia

Republicano participou da abertura da XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, também chamada de Marcha dos Prefeitos

Publicado em 12/04/2019 - 00:00

Brasília (DF) – O deputado estadual Cabo Jhony Paixão (PRB-RO) participou da abertura da XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, também chamada de Marcha dos Prefeitos, realizada entre os dias 8 e 11 na capital federal. O evento reuniu prefeitos, vereadores e demais autoridades de todo o país.

O republicano destacou a importância do evento, que segundo ele, fortalece os municípios. “É uma grande satisfação fazermos parte deste momento de revolução na política e da luta por distribuição de recursos para nossos municípios. Além da Marcha, em Brasília pleiteamos emendas de bancada para investirmos na educação por meio da militarização das escolas de Rondônia. Tivemos o empenho dos parlamentes do estado e já na próxima semana vamos nos reunir com o governador de Rondônia, Marcos Rocha, para selecionar as escolas que receberão investimentos e serão militarizadas”, destacou Cabo Jhony Paixão.

O republicano ressaltou que essa é uma demanda das famílias, que veem nas escolas militarizadas locais em que seus filhos estarão seguros, protegidos da marginalidade e das drogas, e aprenderão não somente aquilo que é próprio das escolas, mas também, disciplina, obediência e respeito à hierarquia.

“Saímos de Brasília com a certeza de que nosso pedido será atendido e que vamos encampar juntos essa luta que vai realmente trazer o resultado esperado. Com a certeza algo irá para a educação de Rondônia, em especial as escolas militarizadas, que tanto avançam e alcançam altos índices no Ideb e aprovações destes estudantes em concursos públicos”, afirmou Cabo Jhony Paixão.

Ainda na capital do país, o republicano esteve na vice-presidência da Câmara dos Deputados, onde foi recebido pelo presidente nacional do PRB, deputado federal Marcos Pereira (SP).

Texto: Agência PRB Nacional
Fotos: Cedidas

Reportar Erro