Republicanos elege 30 prefeitas no primeiro turno

O número representa um crescimento de 172%, em comparação ao pleito municipal anterior, quando foram eleitas 11 republicanas

Publicado em 16/11/2020 - 04:24

Brasília (DF) – O Republicanos é um partido que investe na participação das mulheres na política, incentivando-as para que se apresentem como candidatas nos pleitos eleitorais. O resultado deste domingo (15) não poderia ter sido diferente, o partido conseguiu eleger 30 republicanas prefeitas das 103 candidatas ao executivo municipal. O número representa um crescimento de 172%, em comparação ao pleito municipal anterior, quando foram eleitas 11 republicanas. Juntas as republicanas contabilizaram mais de 252 mil votos nas urnas.

A secretária nacional do Mulheres Republicanas, deputada federal Rosangela Gomes, destaca que as Eleições 2020 foram atípicas devido ao cenário de pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e comemora os números. “Essas eleições municipais foram atípicas. Tivemos um aumento significativo no número de prefeitas eleitas e isso só mostra que o Mulheres Republicanos estava no caminho certo e que toda a preparação do partido, durante os últimos anos, não foi em vão. Cuidar de uma cidade não é tarefa fácil, mas nossas republicanas estão capacitadas para tal desafio. Parabenizo todas as prefeitas eleitas, as que já estavam, que façam uma boa reeleição e continuem o bom trabalho e para quem entrou agora, sejam bem-vindas à nova missão. Estamos caminhando para a paridade dos cargos políticos, mesmo sabendo que ainda temos uma baixa representatividade em âmbito nacional, mas seguimos firmes na luta. Nosso partido e nosso presidente, deputado federal Marcos Pereira, é um motivador de mais mulheres na política, o que nos deixa ainda mais fortalecidas”, comentou a líder republicana.

A Região Nordeste concentra o maior número de prefeitas eleitas pelo Republicanos: Pernambuco (4), Rio Grande do Norte (3), Bahia (2), Ceará (1), Maranhão (4), Paraíba (3) e Piauí (1).

Em Pernambuco foram eleitas quatro prefeitas: Izalta em Ibirajuba com 3.396 votos (58,80% dos votos), Dra Cátia em Jataúba com 6.668 votos (58,29% dos votos), Fátima Borba no município de Cortês com 3.567 votos e Dra Nadegi com 45.941 votos em Camaragibe.

No Rio Grande do Norte foram eleitas três prefeitas: Thuanne Sousa no município de Vila Flor com 1.603 votos, Alice de Assis com o apoio de 4.134 eleitores, que atuará no município de Santana dos Matos, e Camila Melo em Baía Formosa com 2.713 votos.

No estado da Bahia foram eleitas Braulina no município de Aracatu com 5.875 votos e Eliana no município de Cachoeira com 10.448 votos.

No Ceará, Ariana Aquino comandará o município de Paraipaba após receber 12.057 votos.

No Maranhão, a republicana Fechinha foi eleita em Central do Maranhão com 2.727 votos, Valmira Miranda no município de Colinas com o apoio de 11.097 votos, Domingas Cabral em Mirador com 6.776 votos, e Josa em São João do Soter com 6.149 votos nas urnas.

Talita Lopes foi eleita prefeita em Boa Ventura, na Paraíba, com o apoio de 2.401 votos nas urnas (55,23% dos votos). Socorro de Biro também foi eleita no estado para comandar o município de Lagoa com 2.800 votos. O município de Quixaba, também no estado, será comandado por uma republicana: Claudia que recebeu a confiança de 1.172 eleitores.

No Piauí foi eleita uma republicana. Eugênia será a próxima gestora do município de Francisco Ayres com o apoio de 1.928 eleitores (52,09% dos votos).

Na Região Sudeste são três republicanas prefeitas: São Paulo (2), Minas Gerais (1),

Em São Paulo, o município de Francisco Morato, distante 49 km da capital, continuará sob a gestão de Renata Sene, reeleita com 72.351 votos (86,99% dos votos). Valéria da Lukaliam recebeu 2.013 votos e comandará o município de Jaci, também no estado.

Em Minas Gerais, Sabrina Mesquita foi eleita prefeita de São Sebastião do Maranhão com 3.495 votos.

Também foram eleitas prefeitas nas Regiões Centro-Oeste (Goiás 2), Norte (Pará 1) e Sul ( Rio Grande do Sul 3).

No estado do Goiás foram duas republicanas. Genilva foi eleita com 2.481 votos (51,52 votos) para a Prefeitura de Doverlândia. Já Marlene Lourenço recebeu o apoio de 1.693 eleitores e administrará o município de Novo Mundo.

No Pará, Patrícia foi eleita prefeita em Marituba após conquistar a confiança de 21.950 eleitores.

No Paraná são duas prefeitas: Dayane Sovinski com 3.612 votos (54,72% dos votos) no município de Imbaú e Karime Fayad na cidade do Rio Branco do Sul, eleita com 12.117 votos.

No Rio Grande Sul, o Republicanos contará com uma gestora municipal: Gisele Schneider foi eleita em Maratá com mil votos.

Por Agência Republicana de Comunicação (ARCO), com a colaboração da Ascom – Mulheres Republicanas Nacional
Fotomontagem: ARCO

 

Leia mais

Leia mais

Republicanos elege 211 prefeitos e 2.603 vereadores em todo o país

Republicanos elege vereadores em 24 capitais

Republicanos elege 30 prefeitas no primeiro turno

 

Reportar Erro