Ossesio Silva se posiciona contra caso de racismo com taxista

Ossesio Silva propõe redução do preço do gás de cozinha durante pandemia

O republicano é um dos coautores da proposta que fixa o valor do gás em R$ 49 reais

Publicado em 14/04/2020 - 00:00

Brasília (DF) – O deputado federal Ossesio Silva (Republicanos-PE) é um dos coautores do Projeto de Lei nº 1616/2020, que fixa o preço do gás de cozinha em R$ 49,00 durante a pandemia do Coronavírus.

O texto tramita na Câmara dos Deputados com o objetivo de coibir preços abusivos e também estabelecer um valor justo do produto, já que, em prol do bem-estar e da saúde de todos, a economia do país está afetada por conta da pausa necessária dos setores econômicos e produtivos.

Outro ponto importante a ser considerado é o aumento do consumo de gás de cozinha neste período de isolamento, uma vez que as pessoas estão mais tempo em casa e passaram a adotar novos hábitos, necessitando, muitas vezes, da antecipação da compra de um segundo botijão. Dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP), apontam que o consumo de gás de cozinha (GLP) aumentou em 23% em todo o país. A crescente demanda elevou os preços nos últimos dias. Em alguns estados, botijões de 13Kg estão sendo vendidos por R$ 90, podendo chegar até R$ 130 reais.  Diante de todo cenário, pessoas com o poder aquisitivo menor não terão condições de arcar com o custo elevado do produto.

Ossesio comenta que é necessário coibir o aumento de preço o mais rápido possível. “Precisamos pensar principalmente nas pessoas com menor poder aquisitivo. Fixar o valor será importante para esse período de crise que estamos vivenciando”, lembrou o republicano.

Texto: Eulla Carvalho / Ascom – deputado federal Ossesio Silva 
Foto: Douglas Gomes
Edição: Agência Republicana de Comunicação (ARCO)

 

Reportar Erro