Carlos Gomes e comitiva de Caxias do Sul buscam recursos em Brasília

Deputado acompanhou o prefeito Daniel Guerra (PRB) e sua comitiva em agendas nos ministérios da Saúde e do Desenvolvimento Urbano

Publicado em 08/08/2019 - 00:00

Brasília (DF) – O deputado federal Carlos Gomes (PRB-RS) e uma comitiva de Caxias do Sul, formada pelo prefeito Daniel Guerra (PRB); pelo chefe de gabinete, Chico Guerra (PRB), e pelo secretário de Saúde, Júlio Freitas, cumpriram agendas, na terça-feira (6), em Brasília, nos ministérios da Saúde e do Desenvolvimento Urbano.

Com a representante da Secretaria de Atenção Primária do Ministério da Saúde, Carolina Martins José dos Santos, eles trataram da adequação do município ao programa Médicos pelo Brasil, lançado na quinta-feira (1º) pelo Governo Federal, via medida provisória, para substituir o Mais Médicos.

Segundo Freitas, a cidade já chegou a contar com 25 profissionais na rede de atenção básica, atualmente tem 20 e a perspectiva é de que perca outros sete até o final do ano. “Precisamos organizar o fluxo de médicos para que, se houver a necessidade, a reposição seja feita de maneira a não prejudicar o atendimento oferecido à população”, frisou o secretário Júlio. Carolina explicou que as equipes de Estratégia de Saúde da Família (ESF) da prefeitura, em parceria com as de Assistência Social, devem cadastrar toda a população em situação de vulnerabilidade econômica de Caxias do Sul, incluindo beneficiários do Bolsa-Família, BPC e aposentados que recebem até dois salários mínimos. “Os dados serão usados pelo Ministério da Saúde como critério para determinar quantos médicos cada comunidade receberá”, informou.

“Pedimos o apoio da União para fortalecer o acolhimento ofertado às pessoas na ponta, com o objetivo de evitar que as doenças evoluam e a superlotação dos grandes hospitais. Quanto mais cedo se investe na prevenção e no tratamento de enfermidades, maior é a chance de cura e menor o custo para os cofres públicos”, ponderou Carlos Gomes.

O prefeito Daniel Guerra solicitou ao assessor especial do órgão, Leonardo Soares, agilidade na liberação de uma emenda parlamentar indicada pelo deputado Carlos Gomes, de R$ 500 mil, para a manutenção dos postos e Unidades Básicas de Saúde (UBS). “O pagamento da verba nos permitirá remanejar recursos para outros setores, também da saúde, que carecem de investimentos”, disse.

No encontro também foi acertada a habilitação do serviço de traumatologia de alta complexidade em Farroupilha, que passaria a compartilhar com Caxias do Sul a prestação de procedimentos relacionados à especialidade para 49 municípios da Serra Gaúcha.

Educação

No Ministério do Desenvolvimento Urbano, o grupo cobrou a regularização dos repasses mensais para a construção de uma escola, que deverá atender 550 crianças no bairro Santa Catarina. De acordo com a coordenadora da Secretaria Nacional de Mobilidade e Serviços Urbanos, Júlia Bitencourt, a demanda já foi encaminhada para a Secretaria do Tesouro Nacional e a expectativa é de que o valor, de R$ 1,5 milhão, seja liberado até o final de agosto.

Texto e foto: Jorge Fuentes / Ascom – deputado federal Carlos Gomes

Reportar Erro