Senador aponta fragilidades em convocação para votar vetos

Eduardo Lopes alerta Congresso sobre voto superficial de temas importantes

Publicado em 21/12/2012 - 00:00

Senador aponta fragilidades em convocação para votar vetos
Eduardo Lopes alerta Congresso sobre voto superficial de temas importantes

Brasília (DF) – O senador Eduardo Lopes (PRB-RJ), em discurso nesta quarta-feira (19), apontou a existência de fragilidades regimentais e vícios de iniciativa na convocação de reunião do Congresso Nacional para analisar os vetos da Presidência à Lei dos Royalties. Segundo ele, a sessão deveria ser agendada com 24 horas de antecedência e ter os avulsos distribuídos, o que não ocorreu. Ele defendeu o adiamento da votação.

“Veto só em fevereiro de 2013”, sugeriu. Conforme explicou o senador, a sessão iniciada na noite de terça (18) e suspensa pela vice-presidente da Câmara, deputada Rose de Freitas, foi convocada para a análise de projetos de lei, sem incluir os vetos, e não pode ter nova pauta. Parte dos parlamentares pretendem votar mais de 3 mil vetos numa mesma sessão para poder examinar e derrubar o veto à redistribuição dos royalties também nos contratos de exploração em vigor.

Para o senador, é um risco votar de forma superficial esses vetos, o que poderia representar a abertura de uma verdadeira “Caixa de Pandora”. Lopes disse ter ouvido rumores de uma movimentação da bancada ruralista para derrubar, por exemplo, os vetos ao novo Código Florestal (PLC 30/2011). Ele citou como outros temas sensíveis a regulamentação da Emenda 29 e o fator previdenciário.

Eduardo Lopes pediu à maioria das duas Casas, interessada na derrubada do veto aos royalties, que não firam o Regimento Interno para alcançar seus objetivos. “A maioria vai vencer no voto, cedo ou tarde, mas não queiram atropelar regimento, a Constituição, não queiram ganhar à força. A maioria pode muito, mas não pode tudo”, declarou.

Fonte: Agência Senado
Foto: Waldemir Barreto

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro