Projeto propõe que planos de saúde aceitem dependentes sob guarda, tutela e alimentandos

Iniciativa é do deputado federal Luciano Braga

Publicado em 12/05/2017 - 00:00

Iniciativa é do deputado federal Luciano Braga

Brasília (DF) – O deputado Luciano Braga (PRB-BA) apresentou o Projeto de Lei 7589/2017 que garante a possibilidade de pessoas sob guarda, tutela e alimentandos serem inscritas como dependentes no plano de saúde do beneficiário. “Assim, os planos poderão fixar o valor dessas adesões e o beneficiário terá a opção de escolher a seguradora que ofereça essa alternativa”, justifica o parlamentar.

A iniciativa do republicano é para preencher uma lacuna, uma vez que não existe legislação para esse tema. “Há apenas a Resolução 195/09, da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que dispõe sobre Planos de Saúde e não contempla esse ponto em particular”, explica.

Luciano Braga ressalta que a Justiça já vem concedendo o direito do beneficiário incluir em seu plano pessoas sujeitas à guarda, tutela e ao alimentando. “Nesse sentido, é melhor que as próprias operadoras possibilitem a inclusão em seus contratos desses dependentes, não prejudicando o beneficiário que tenha condições de arcar com o custo, nem os demais participantes do plano de saúde”, complementa.

Ele argumenta, ainda, que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que abriga o instituto da guarda e da tutela, estabelece em seu art. 7º que a criança e o adolescente tenham o direito a proteção à saúde e à vida. “Já o alimentando, que por muitas vezes depende economicamente do beneficiário, embora juridicamente possa não ser dependente, ficaria prejudicado se não tivesse a oportunidade de desfrutar do mesmo direito”, finaliza.

Texto: Fernanda Cunha / Ascom – Liderança do PRB
Foto: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro