Eliminação da discriminação racial

Deputado Ossesio Silva registra Dia Internacional da Luta

Publicado em 25/03/2013 - 00:00

Eliminação da discriminação racial
Deputado Ossesio Silva registra Dia Internacional da Luta

Recife (PE) – O Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial, comemorado dia 21, foi lembrado pelo deputado estadual Ossesio Silva (PRB), na tribuna da Assembleia Legislativa de Pernambuco. O parlamentar ressaltou o preconceito ainda existente e lembrou que a data foi escolhida pela Organização das Nações Unidas (ONU), em memória ao massacre ocorrido, em 1960, durante protestos realizados na África do Sul. 

“O preconceito racial ainda persiste e tem sido uma ameaça a estabilidade dos direitos humanos ao fomentar o ódio e instigar a intolerância. A apologia ao racismo tem se disseminado, principalmente, pelas redes sociais”, lamenta. O republicano informou que, só em 2012, a ONG Safernet, que recebe denúncias de violações dos direitos humanos na web, identificou que, no Facebook, existem mais de cinco mil comunidades que compartilham conteúdos racistas. 

O parlamentar também relatou casos de racismo e citou o trote sofrido por uma caloura da Universidade Federal de Minas Gerais, que foi fotografada acorrentada, pintada de preto e segurando uma placa com os dizeres ‘caloura Chica da Silva’, em referência à escrava que viveu naquele Estado. “É o tipo de brincadeira sem graça. As imagens foram divulgadas em um perfil do Facebook e causam indignação”, frisa. Ele acrescentou que já foi vítima de preconceito. 

Em apartes, os deputados Terezinha Nunes, Manoel Santos, Zé Maurício e Sebastião Rufino solidarizaram-se com o republicano e criticaram a discriminação racial. “A história do Brasil foi feita com a participação ativa dos negros. O racismo é inaceitável”, declara Terezinha, citando negros de destaque como o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa; e o presidente norte-americano, Barack Obama. “O preconceito no País é camuflado e precisa ser combatido”, acrescenta Santos. 

Zé Maurício citou Martin Luther King e enfatizou que “quem busca a liberdade social e o desenvolvimento do País luta contra a discriminação racial”.  Já Sebastião Rufino opinou que os racistas são ultrapassados e minoria no Brasil.  “Feliz de uma Nação que possui negros do quilate de Henrique Dias e Pelé”, comenta.

Fonte e foto: Ascom Ossesio Silva

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro