Bulhões quer que embalagens de narguilé contenham detalhamento de produtos químicos

Parlamentar alerta que uma sessão de narguilé pode corresponder ao consumo de até cem cigarros

Publicado em 17/05/2016 - 00:00

antonio-bulhoes-prb-embalagens-de-narguile-detalhamento-de-produtos-quimicos-foto-douglas-gomes-17-05-16
Deputado Antonio Bulhões alerta que uma sessão de narguilé pode corresponder ao consumo de até cem cigarros

 

Brasília (DF) – O deputado federal Antonio Bulhões (PRB-SP) apresentou o Projeto de Lei nº 5136/2016 sugerindo que os componentes dos fumos de narguilé, bem como dos carvões usados para acendê-los, sejam expostos em suas embalagens, da mesma forma que é feito com as embalagens de cigarro.

“Desta forma os consumidores poderão exercer seu direito de escolha”, explica o parlamentar.

“Em virtude dos múltiplos aromas florais do narguilé, o cachimbo de origem oriental é aparentemente inofensivo. Ledo engano. Uma sessão de narguilé pode corresponder ao consumo de até cem cigarros”, esclarece o deputado.

Bulhões também é autor do Projeto de Lei nº 4431/2016, que proíbe a venda do narguilé e seus componentes para menores de 18 anos de idade. A proposta está atualmente na Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF).

Saiba mais

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), os tabacos usados no narguilé possuem quatro vezes mais nicotina, 11 vezes mais monóxido de carbono e 100 vezes mais alcatrão do que os cigarros comuns.

Texto: Fernanda Cunha / Ascom – Liderança do PRB
Foto: Douglas Gomes / Ascom – Liderança do PRB

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro