Prêmio Maria Felipa completa 10 anos e homenageia mulheres negras na BA

Cerimônia de entrega do Prêmio Maria Felipa acontece no dia 25 de julho e será conduzida pela vereadora Ireuda Silva (PRB)

Publicado em 10/07/2019 - 00:00

Salvador (BA) – A presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher na Câmara de Salvador, vereadora Ireuda Silva (PRB), conduzirá, no dia 25 de julho, mais uma edição do Prêmio Maria Felipa, que completa 10 anos reconhecendo a atuação de mulheres negras no combate ao racismo e na luta por direitos. A data é também o Dia Nacional da Mulher Negra e o Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha.

Neste ano, serão premiadas cerca de 20 mulheres, dentre as quais a prefeita de Itaparica, Marylda Barbuda; a delegada civil Jussara Souza; a atriz e produtora Marial Gal; a vereadora de Nazaré, Laura Tita; a jornalista da TV Record, Tarsila Alvarindo; e a primeira mestre de obras da Bahia, Maria do Amparo (a lista completa você confere no final do texto).

“A Bahia e o Brasil ainda sofrem com a discriminação racial, que segrega e mutila direitos fundamentais. Nesse contexto tão cruel e que ainda guarda resquícios da escravidão, as mulheres negras são duplamente vitimadas, já que o preconceito tem natureza racial e de gênero. Desse modo, penso que este dia e este prêmio são o mínimo que podemos fazer para reafirmar o nosso posicionamento, mostrar que nós, mulheres negras, estamos aqui, que somos peças fundamentais da história do Brasil e da Bahia. E que lutamos constantemente para melhorar a realidade de todas nós”, ressalta Ireuda Silva.

Maria Felipa de Oliveira foi uma marisqueira e pescadora que viveu na Ilha de Itaparica. Assim como Joana Angélica e Maria Quitéria, ela lutou pela Independência da Bahia. Em 1823, lidero um grupo composto por mais de 200 pessoas, entre as quais estavam índios tupinambás e tapuias, além de outras mulheres negras, nas batalhas contra as tropas portuguesas que atacavam a Ilha. Conta-se que o grupo foi responsável pela queima de pelo menos 40 embarcações portuguesas.

Premiadas 2019

Marylda Barbuda – prefeita de Itaparica
Juassara Souza – delegeda civil
Emília Machado – líder comunitária
Maria Gal – atriz e produtora
Naira Gomes – coordenadora da “Marcha do Empoderamento Crespo”
Laura Tita – vereadora de Nazaré
Ana Lúcia Alves – pastora
Roseni Barbosa – vereadora de Rosário do Catete (SE)
Tarsila Alvarindo – jornalista
Joyce Queiroz – vereadora de Madre de Deus
Carvalho Una – Guarda Municipal de Salvador
Edeilsa Santos – assessora parlamentar
Genivaldete Santos – presidente do Ivecan
Maria do Amparo – primeira mestre de obras da Bahia
Fabiana Campos – assessora parlamentar e garota-propaganda da campanha “Meu corpo não é sua fantasia”
Maria Orge – empresária
Sheila Barbosa – capitã da Polícia Militar

Texto e foto: Ascom – vereadora Ireuda Silva

Reportar Erro