Prêmio “Capoeira Viva nas Escolas” é tema de reunião em Salvador

Reunião foi convocada pelo vereador Luiz Carlos (Republicanos) e visa debater o edital do prêmio, com mestres, contramestres e professores de capoeira

Publicado em 04/09/2019 - 00:00

Salvador (BA) – Mestres, contramestres e professores de capoeira vão se reunir nesta quarta-feira (4), às 17h, no Auditório do Edifício Bahia Center, anexo da Câmara Municipal de Salvador, para conhecer os detalhes do edital do prêmio “Capoeira Viva nas Escolas”. A reunião, convocada pelo presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Capoeira, vereador Luiz Carlos de Souza (Republicanos), terá a Fundação Gregório de Mattos (FGM) e a Secretaria Municipal de Educação (Smed) como facilitadoras.

O prêmio, lançado pela FGM em parceria com a Smed, tem como objetivo promover a salvaguarda e o incentivo à prática artística-esportiva-cultural no contraturno escolar das instituições municipais de ensino de Salvador. A medida atende a Lei 9.072/2016, de autoria do vereador Luiz Carlos, que reconhece a capoeira como expressão cultural e esportiva, de caráter educacional e formativo.

Prêmio

O edital receberá propostas até o próximo dia 11 de outubro, por meio do site www.capoeiravivanasescolas.salvador.ba.gov.br. Serão selecionadas dez propostas, uma por Gerência Regional de Educação (GRE) em cada território de Salvador, através de um financiamento no valor de R$ 40 mil por projeto. As propostas devem ser executadas entre os meses de fevereiro e julho de 2020, por mestres, contramestres, professores ou instrutores de Capoeira. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail capoeiravivanasescolas@ salvador.ba.gov.br.

Texto e foto: Ascom – vereador Luiz Carlos

Reportar Erro