Dia Municipal dos Ostomizados é instituído em Limeira

Dia Municipal dos Ostomizados é instituído em Limeira

Data proposta em projeto de lei do vereador Nilton Santos reforça ações de conscientização e defesa e diretos dos ostomizados

Publicado em 24/11/2019 - 00:00

Limeira (SP) – Em Limeira, o Dia Municipal dos Ostomizados será lembrado anualmente em 16 de novembro. A data foi inserida no calendário oficial de datas e eventos da cidade por meio do Projeto de Lei N° 220/2019, do vereador Nilton Santos (Republicanos), aprovado na sessão do dia 18 de novembro. O objetivo é a conscientização sobre a importância de elaboração de políticas públicas de acessibilidade.

Segundo o Ministério da Saúde, pessoas ostomizadas são aquelas que precisam passar por uma intervenção cirúrgica para fazer no corpo uma abertura ou caminho alternativo de comunicação com o exterior, para eliminação de fezes e urina, assim como auxiliar na respiração ou na alimentação. Essa abertura é chamada de estoma. Existem mais de 30 causas que podem levar a ostomia, a principal delas é o câncer no intestino grosso ou delgado e na bexiga.

Nilton Santos defendeu que a criação da data atende a uma demanda da Associação Limeirense dos Ostomizados e citou o trabalho do presidente da entidade, Leandro Ribeiro.

“Defendemos aqui com esse projeto a coletividade, são 700 ostomizados. Parabenizo pela coragem, intrepidez do presidente da associação, porque sei que não é fácil quando se levanta uma bandeira diante de diversas dificuldades. Montar a associação foi um grande passo e o segundo é criar o Dia dos Ostomizados”, declarou.

O proponente destacou ainda que a inclusão da data no calendário oficial não é para comemorar, mas para reforçar as ações de conscientização e defesa da causa. “O dia não é para comemorar é para se lembrar de fazer valer o direito dos ostomizados”, afirmou Nilton Santos.

Acessibilidade

O vereador também é autor da Lei Ordinária Nº 5181, de 2013, que garante o direito da acessibilidade das pessoas ostomizadas aos banheiros de uso privado do município, mediante a instalação de equipamentos adequados de uso.

Texto e foto: Greice Prado/Ascom – vereador Nilton Santos
Edição: Agência Republicana de Comunicação (ARCO)

Reportar Erro