Alvoni Medina ouve reivindicações de moradores de bairro em Porto Alegre

Alvoni Medina ouve reivindicações de moradores de bairro em Porto Alegre

Republicano apresentará demandas dos moradores da Vila Ferroviária, bairro Humaitá, a órgãos responsáveis

Publicado em 18/10/2019 - 00:00

Porto Alegre (RS) – Excesso de velocidade, retorno proibido e falta de sinalização são algumas das reclamações dos moradores e líderes comunitários da Vila Ferroviária, no bairro Humaitá. Desde a retomada das obras na avenida Ernesto Neugebauer, diversos são os casos de motoristas negligentes que transitam no local.

Estas foram os assuntos discutidos com moradores em reunião conjunta entre o gabinete do vereador Alvoni Medina (Republicanos), a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana e a Empresa Pública de Transporte e Circulação, na noite da quinta-feira (15), em Porto Alegre.

O secretário adjunto de Infraestrutura e Mobilidade Urbana, Nelcir Tessaro, afirmou que não existe obra que não cause transtornos e que a avenida ficou prejudicada pelo movimento. “Com a inauguração da Ceará, até o final do ano, o fluxo da região irá diminuir”, garante Tessaro.

A comunidade alega que além do fluxo anormal, os motoristas não respeitam que há crianças nas calçadas e passam em alta velocidade, causando insegurança e transtornos para quem reside na faixa.

A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), responsável pela via após o término da obra, implantará a sinalização viária, já prevista em projeto, o qual contará com a divisão de pista amarela e nos pontos com menor fluxo o estacionamento será liberado.

O vereador Alvoni Medina se comprometeu em fiscalizar o local após a execução da obra. “Eu e meu gabinete estamos à disposição. Levaremos as informações acolhidas em ata para os órgãos responsáveis e estaremos atentos a qualquer mudança negativa que ocorrer”, afirmo Alvoni Medina.

Texto e foto: Roberta Brum/Ascom – vereador Alvoni Medina
Edição: Agência Republicana de Comunicação (ARCO)

Reportar Erro