Secretaria da Mulher do MMFDH promove oficina “Por Mais Mulheres na Política”

Projeto dá mais visibilidade para mais mulheres no espaço de poder

Publicado em 31/10/2020 - 18:49

Brasília (DF) – Mesmo durante a campanha eleitoral, a Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres não deixa de fomentar o projeto “Por Mais Mulheres na Política”. Na quinta-feira (22), a secretaria promoveu a sexta oficina do projeto através do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH).

Durante a transmissão ao vivo, pelo facebook, foi apresentado o Selo “Não à Violência Política”, com a intenção de disseminar a comunicação e dar mais visibilidade a esse tema tão presente, mas pouco debatido, que é a violência política contra a mulher. Segundo a secretária nacional de Políticas para as Mulheres, Dra. Cristiane Britto (Republicanos), o Disque 180 está disponível para atender as denúncias sobre o tema. “Capacitamos 300 atendentes, que estão orientados a acolher denúncias sobre esse tipo de violência. Tudo que for registrado será encaminhado para o Ministério Público Eleitoral”, disse.

A violência política de gênero pode ser caracterizada como todo e qualquer ato com o objetivo de excluir a mulher do espaço político, impedir ou restringir seu acesso ou induzi-la a tomar decisões contrárias à sua vontade. As mulheres podem sofrer violência quando concorrem, já eleitas e durante o mandato.

As oficinas do projeto “Mais Mulheres na Política” foram criadas para esclarecer as principais dúvidas sobre campanha eleitoral, de forma interativa, assim como o projeto “Mais Mulheres no Poder” que também é uma estratégia de conscientização sobre a participação política das mulheres em cargos eletivos, de poder e de decisão para o pleno exercício da democracia representativa e participativa.

Fonte: Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos
Edição: Gisele Rocha/ Ascom Mulheres Republicanas Nacional

Reportar Erro