Professora Ana Lúcia propõe programa de acolhimento para mulheres no Recife (PE)

Ação ocorrerá enquanto durar o período de calamidade pública causado pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19)

Publicado em 20/05/2020 - 19:59

Recife (PE) – A vereadora Professora Ana Lúcia (Republicanos) anunciou que irá propor a criação do “Programa de Acolhimento Emergencial de Mulheres em Situação de Violência Doméstica”. Pelo texto, a ação ocorrerá enquanto durar o período de calamidade pública causado pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

O objetivo é garantir as determinações previstas pela Lei Maria da Penha e o acolhimento temporário dessas mulheres em pousadas e hotéis. O projeto prevê, ainda, o acompanhamento de uma equipe técnica multidisciplinar nestes abrigos e assegura o transporte seguro das mulheres acolhidas, preferencialmente, feito por motoristas do sexo feminino. 

A vereadora, que também é secretária do Mulheres Republicanas Pernambuco, comentou o motivo e inspiração para a criação do texto. “Precisamos criar meios para ampliar a assistência às mulheres vítimas de violência doméstica, principalmente, no período de isolamento social, e nosso mandato segue atuando para que isso seja possível. Reforçamos a importância da denúncia”, frisou.

De acordo com dados do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, somente no mês de abril, as denúncias relacionadas à violência doméstica aumentaram 28%, em relação ao ano passado, já que muitas mulheres estão confinadas em casa com os agressões.

Texto: Elisa Costa / Ascom – Mulheres Republicanas
Foto: Ascom – Mulheres Republicanas

Reportar Erro