Cristiane Guerra é sinônimo de representatividade feminina para Niterói (RJ)

Ela chegou a pensar que política não era para ela, mas percebeu a importância da mulher no poder

Publicado em 07/11/2020 - 14:22

Niterói (RJ) – Nova na política, a republicana e candidata à vereança de Niterói, Cristiane Guerra, conta que relutou para entrar nas esferas do poder, mas percebeu que a participação feminina na política é mais do que necessária, é essencial. A carioca, que é advogada, conta que pretende orientar mulheres, jovens e idosos, que geralmente são pessoas que precisam de mais instrução e, principalmente, conhecerem os seus direitos.

“Como advogada, eu entendo de leis e nada e ninguém melhor para ser uma vereadora, para dar voz às mulheres e ao povo do que uma advogada, que é mãe e empreendedora. Eu costumo brincar e falar eu tentei sair da política, mas a política não saiu de mim. Eu quis fugir do chamado político mas não pude me esconder e nem fugir”, conta Cristiane Guerra.

Conheça mais a história da republicana que busca a eleição para ajudar mais e mais pessoas:

Entrevista

Mulheres Republicanas – Como ingressou na política?
Cristiane Guerra – Eu confesso que no início eu como pessoa e mulher não queria saber de política não queria entrar para a política, mas a partir do momento que eu aceitei o desafio e comecei a estudar política eu vi o quanto é importante que as mulheres estejam engajadas nesse ramo. As mulheres têm um olhar humanizado, são cuidadoras por natureza, são organizadas, fazem várias coisas e pensam em tudo. A mulher pensa nos mínimos detalhes e é fundamental que nós estejamos sim na política.

Mulheres Republicanas – Por que escolheu o Republicanos?
Cristiane Guerra – Decidi me filiar ao Republicanos por me identificar com as diretrizes e posicionamentos do partido.

Mulheres Republicanas – Qual o seu objetivo enquanto candidata?
Cristiane Guerra – O meu objetivo é levar a mudança na política, lutar por uma nova política, uma política justa e transparente, humana e igualitária. Quero realmente estar à serviço do povo para defender a família, a boa moral e os bons costumes. Defender e auxiliar as mulheres. Incentivar empreendedorismo. Orientar os jovens cuidar deles, uma vez que são o futuro do nosso país

Mulheres Republicanas – Qual a sua prioridade se eleita?
Cristiane Guerra – Cabe ao vereador elaborar projetos de lei, fiscalizar o executivo, ouvir os anseios e necessidades da população promover audiências públicas. Como vereadora irei cumprir o meu dever com transparência e pretendo ficar perto da população a fim de ajudar e fazer a diferença na Câmara de vereadores de Niterói. Quero ter um olhar mais direcionado a projetos de leis voltado para as mulheres incentivando-as, auxiliando-as e ajudando-as no que for possível para que elas tenham vez, voz e igualdade. Além de incentivar o empreendedorismo feminino, auxiliar a mulher idosa e orientação e projetos para os jovens.

Mulheres Republicanas – Qual o seu diferencial?
Cristiane Guerra – Não sou melhor que ninguém, não serei vereadora eu estarei como vereadora para o povo e com o povo. A diferença é que sou advogada e como tal entendo de leis e nada e ninguém melhor pra ser uma vereadora para dar voz às mulheres.

Texto: Gabbriela Veras / Ascom – Mulheres Republicanas Nacional
Foto: Divulgação

Conheça o Espaço do Candidato Republicano

Na página exclusiva, você encontra modelos de materiais de propaganda, dúvidas frequentes, E-book do Candidato Republicano, orientações sobre a legislação eleitoral, dicas para campanha nas redes sociais e outros. Acesse agora e aproveite ao máximo tudo que preparamos para ajudar você durante a campanha.

Reportar Erro