Coronel Helena poderá ser a primeira mulher prefeita de Rio Preto

Ela também é a única mulher na disputa para prefeito do município

Publicado em 05/11/2020 - 08:59

São José do Rio Preto (SP) – Na reta final para as eleições 2020, é necessário conhecer a republicana Helena Reis, coronel da Polícia Militar de São Paulo e candidata a prefeita pelo município de São José do Rio Preto (SP). Com a possibilidade de ser a primeira mulher prefeita da cidade, após 168 anos, ela é a única mulher na disputa do Executivo Municipal na.

Helena dos Santos Reis (50), nasceu e cresceu na Vila Toninho, onde ainda vive até hoje parte da sua família. A candidata é a mais jovem dos seus seis irmãos, filha de um policial militar e de uma lavadeira. Em 1989, foi uma das 15 primeiras mulheres a ingressar na Escola de Comandantes da Polícia Militar, na Academia de Polícia do Barro Branco. A republicana também é formada em Direito pela Universidade Cruzeiro do Sul (Unicsul) e em Turismo pela União das Faculdades dos Grandes Lagos (Unilago), além de ser pós-graduada em Planejamento, Implementação e Gestão de Educação à Distância pela Universidade Federal Fluminense (UFF-RJ) e doutora em Ciências da Segurança e Ordem Pública pelo Centro de Altos Estudos de Segurança (Caes), de São Paulo. A Coronel foi a primeira mulher negra a ocupar as funções de Secretária Chefe da Casa Militar e Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, de São Paulo.

Helena fala emocionada sobre suas origens e sobre suas dificuldades no começo da vida. “A Vila Toninho foi um dos últimos bairros de Rio Preto a ser urbanizado. Na minha casa não tinha luz elétrica e água encanada, até meus 14 anos, e na maioria das ruas faltavam asfalto e coleta de esgoto. Conheço as dificuldades do nosso povo e vou trabalhar duro para fazer nossa cidade mais humana”, disse.

A republicana sempre estudou em escola pública e antes de ser Coronel, conta que já trabalhou como empregada doméstica. “Agora aposentada, mesmo depois de servir a população de São Paulo, quero servir meu povo de Rio Preto. Decidi que não vou ficar em casa. Eu quero ser prefeita da minha cidade”, destacou.

Para completar sua chapa, a Cel. Helena escolheu como vice, Claudinho Bolonhesi (PTB), que vive em Rio Preto há 44 anos. Ele é empresário do ramo imobiliário e atua nas áreas de treinamentos de alta performance, liderança, inteligência interpessoal e comunicação eficaz. Claudinho é formado em Administração de Empresas com especialização na UCSD – Universidade da Califórnia em San Diego – em Estratégia Global e contabilista.

Propostas

Para as mulheres de São José do Rio Preto, a futura prefeita fala sobre suas propostas. “Vou trazer para Rio de Preto a ‘Casa da Mulher Brasileira’, do governo do presidente Bolsonaro. É um espaço de acolhimento para a mulher com ações integradas, com delegacia especializada, suporte psicossocial e demais serviços. Tenho relação direta com a secretária nacional de Política para Mulheres, Cristiane Brito. A mulher no meu governo será bem cuidada e protegida”, ressaltou.

Para a saúde, o plano de ação da candidata propõe focar na atenção básica de saúde como forma de prevenir doenças. “Pretendo ainda reorganizar as equipes de atendimento e oferecer cursos de qualificação aos servidores de saúde. Quero realizar mutirões de exames e consultas aos sábados para diminuir a demanda da população também está no plano de ação”, disse.

Outro ponto de atenção será o combate à corrupção e aumento da transparência. Para isso, uma das suas propostas é a criação da Controladoria Geral do Município (CGM) e da Corregedoria Geral (CORR). “Cada centavo do dinheiro público será aplicado para benefício do cidadão”, garante a futura prefeita.

Já na Segurança pública, Helena diz que é sua especialidade. “Vou criar a Secretaria de Segurança Pública e o Gabinete de Gestão Integrada. Quero aproximar a GCM da Polícia Militar e promover treinamentos de forma conjunta”, afirma. A republicana ainda declara que quer fazer crescer a economia do município. “A maior parte das minhas propostas para o desenvolvimento econômico de Rio Preto está em consonância com a agenda da Associação Comercial e Empresarial de Rio Preto (Acirp). Meu compromisso é com a desburocratização, redução de taxas e impostos, a recuperação do centro e o avanço definitivo do Parque Tecnológico, que há 20 anos patina”, reitera.

Fonte e Foto:  Ascom Coronel Helena
Edição: Gisele Rocha/ Ascom Mulheres Republicanas

Reportar Erro