Polícia Civil apreende mais de 200 quilos de cocaína e insumos em Goiânia

“Trata-se de um duro golpe das forças policiais contra o tráfico de entorpecentes”, afirmou o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda (PRB)

Publicado em 04/03/2019 - 00:00

Goiânia (GO) – A Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), desarticulou na semana passada, um laboratório de drogas que funcionava no Setor Eli Forte, em Goiânia. Mais de 200 quilos de cocaína e insumos foram apreendidos. Um homem acabou detido. “Trata-se de um duro golpe das forças policiais contra o tráfico de entorpecentes”, afirmou o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda (PRB).

No local, também foram encontradas duas armas de fogo e cerca de 200 munições. A droga estava embalada com uma folha de cocaína dentro. Conforme apurado pela polícia, o procedimento serve como uma espécie de sele de qualidade para assegurar a pureza da droga. Parte da produção seria enviada para países da Europa.

De acordo com as investigações, Jederson Araújo dos Santos, preso no local, era responsável por guardar e distribuir as drogas. “Começamos investigá-lo há três meses e concluímos que ele faz parte de uma hierarquia mais baixa da quadrilha. O líder do grupo já está preso”, explicou o delegado Eduardo Gomes.

O delegado-geral da Polícia Civil, Odair José Soares, ressaltou que a investigação ainda terá novos desdobramentos. “Acreditamos que outros membros do grupo ainda estão em liberdade. Novas ações para prendê-los serão realizadas”, disse.

Texto e foto: Ascom – Secretaria de Segurança Pública de Goiás

Reportar Erro