Portaria do MDIC altera Processo Produtivo Básico para aparelhos de áudio e vídeo

Portaria do MDIC altera Processo Produtivo Básico para aparelhos de áudio e vídeo

Como explicou Marcos Pereira, a mudança aproxima a Política de Radiodifusão, em especial a Digitalização do Rádio e da TV, e as políticas industriais e de desenvolvimento tecnológico

Brasília (DF) – O ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira (PRB), assinou, nesta quinta-feira (22), em São Paulo, uma portaria que altera o Processo Produtivo Básico (PPB) para aparelhos de áudio e vídeo. O documento determina que, a partir de 2019, os equipamentos produzidos na Zona Franca de Manaus deverão ampliar a capacidade de recepção de frequência para 76MHz a 108 MHz. Atualmente, os equipamentos produzidos têm faixa de 88MHz a 108MHz.

A assinatura conjunta com o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Gilberto Kassab, ocorreu no primeiro congresso da Associação Brasileira de Rádio e Televisão (Abratel), com as presenças do ministro da Cultura, Sérgio Sá, do vice-governador de São Paulo, Márcio França, entre outras autoridades.

Como explicou Marcos Pereira, a mudança aproxima a Política de Radiodifusão, em especial a Digitalização do Rádio e da TV, e as políticas industriais e de desenvolvimento tecnológico. “Trata-se também de um pleito antigo da Associação Brasileira de Rádio e Televisão (Abratel). A popularização de receptores com a faixa de 76Mhz a 108MHz facilitará a migração das emissoras de rádio AM, de ondas médias, para FM, sobretudo nas grandes cidades, onde os espectros já estão ocupados”, disse.

PPB

Instituído em 1991, o PPB é formado por etapas fabris mínimas que as empresas deverão cumprir para fabricar determinado produto como contrapartida à concessão de incentivos fiscais promovidos pela legislação da Zona Franca de Manaus e pela Lei de Informática.

Na fixação de um PPB são considerados, entre outros aspectos, o desenvolvimento tecnológico e engenharia local empregada, o nível de empregos a ser gerado e o nível de investimentos empregados em pesquisa e desenvolvimento.

A competência para fixar e alterar PPBs é dos ministros de Estado da Indústria, Comércio Exterior e Serviços e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

Brasil se recupera

O ministro Marcos Pereira aproveitou o evento para comemorar a retomada do crescimento do Brasil e falar rapidamente das ações no MDIC. Ele ressaltou avanços nas relações comerciais internacionais, com destaque para a assinatura de acordos, falou da implantação do Portal Único de Comércio Exterior, já com o módulo exportação concluído, e da nova política automotiva (o Rota 2030), em fase final de elaboração.

O evento foi presidido pelo vice-presidente da Abratel e presidente da Record TV, Luiz Cláudio Costa, em virtude de o presidente da entidade, Márcio Novaes, estar se recuperando de um problema de saúde.

Texto e foto: Ascom – MDIC

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O Republicanos está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@republicanos10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Rosangela Gomes (Republicanos-RJ):

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Republicanos

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal Republicanos?

pautas@republicanos10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

Receba as novidades do PRB no seu e-mail

Boletim 10: enviado às segundas-feiras. Não enviamos spam.