Câmara mantém emenda de Mecias que simplifica construção do Linhão de Tucuruí

Fica assegurado o começo das obras do Linhão de Tucuruí, depois de concluído e entregue aos indígenas o Plano Básico Ambiental-Componente Indígena

Publicado em 22/06/2021 - 08:20

Brasília (DF) – A Câmara dos Deputados aprovou, nesta segunda-feira (21), a Medida Provisória 1.031 de 2021, que autoriza a capitalização da Eletrobras. Os deputados mantiveram também a emenda do senador Mecias de Jesus (Republicanos-RR), que garante a construção do Linhão de Tucuruí, no trecho Manaus-Boa Vista. A medida será enviada para sanção presidencial.

De acordo com a emenda de Mecias, fica assegurado o começo das obras do Linhão de Tucuruí, depois de concluído e entregue aos indígenas o Plano Básico Ambiental-Componente Indígena (PBA-CI), elaborado pela Funai como parte do licenciamento ambiental. O documento já foi entregue e está sendo analisado pelos conselhos indígenas.

A linha de transmissão passará por 123 Km de terras dos Waimiri-Atroari para interligar Roraima ao Sistema Interligado Nacional (SIN).

Deputado federal Jhonatan de Jesus

O senador Mecias de Jesus disse estar feliz com o resultado e agradeceu o apoio dos deputados.

“Agora, é esperarmos a sanção do presidente e os trâmites que ainda restam para que possamos ver o início dessa obra que é tão sonhada pela nossa gente e que vai garantir também mais desenvolvimento para o nosso estado”, disse.

O deputado federal Jhonatan de Jesus (Republicanos-RR), que defendeu a aprovação da emenda na Câmara, destacou que atualmente se gasta quase R$ 1 bilhão de reais por ano para manter as termelétricas funcionando em Roraima e a construção do Linhão estava orçada na época em pouco mais que isso.

“Nós estamos a favor da emenda que veio do Senado, para levar justiça ao povo de Roraima. Já chega de Roraima estar sempre pagando as custas sem estar interligada ao Sistema Nacional. Já chega do povo de Roraima estar sofrendo de apagões. E o que nós estamos pedindo aqui é direitos iguais”, pontuou o deputado.

Texto: Gilvan Costa
Fotos: cedidas

 

Reportar Erro
Send this to a friend