Rosangela Gomes debate violência política contra mulheres no Ministério Público

A deputada é autora da lei que estabelece normas de prevenção, combate e punição a atos de violência política contra mulheres

Publicado em 05/05/2022 - 16:55

Brasília (DF) – A deputada Rosangela Gomes (Republicanos-RJ) participou, nesta quinta-feira (5), em Brasília, da 2ª Reunião da Rede de Ouvidorias do Ministério Público Brasileiro. A Ouvidoria Nacional do Ministério Público é o órgão de comunicação direta entre o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e a sociedade, e tem por objetivo principal o aperfeiçoamento e o esclarecimento aos cidadãos das atividades realizadas pelo CNMP e pelo Ministério Público.

O evento comandado pelo Dr. Angels Muniz e coordenado pelas promotoras Andréa Sampaio, Bianca Stella Barroso e pela presidente do Conselho Nacional de Ouvidores do Ministério Público, Selma Magda Barreto, contou com a participação, remota, de ouvidores dos estados.

O objetivo foi levar mais informações aos ouvidores sobre a Lei 14.192 de 4 de agosto de 2021, que estabelece normas para prevenir, reprimir e combater a violência política contra a mulher e que tem a autoria da deputada Rosangela. A ideia é pedir a efetividade da lei em todas as esferas da sociedade, principalmente nos espaços de poder.

Para Rosangela, o evento tem relevância fundamental para toda sociedade. “A Ouvidoria tem importante papel de ser a mediadora entre sociedade e o Ministério Público. Com a proximidade das eleições, certamente, suas funções serão muito mais requisitadas. ”

O Sistema Ouvidoria Cidadã, do Ministério Público, funciona nos telefones (61) 3315-9468 / 3315-9467 e pelo WhatsApp no número: (61) 3366-9229.

 

Texto e fotos: Ascom – deputada Rosangela Gomes
Edição: Agência Republicana de Comunicação – ARCO

 

Reportar Erro
Send this to a friend