Quem Ama Cuida leva consciência ambiental a evento gastronômico em Belém

Projeto Quem Ama Cuida promoveu uma ação de conscientização ambiental na Ilha do Combú, em Belém, no restaurante Saudosa Maloca

Publicado em 12/10/2019 - 00:00

Belém (PA) – Sustentabilidade e empreendedorismo. Esses são alguns dos pontos valorizados pelo projeto “Quem Ama Cuida”, idealizado pelo deputado federal Vavá Martins (Republicanos-PA), que realizou, nesta sexta-feira (11), um trabalho de conscientização ambiental na Ilha do Combú, em Belém, no restaurante Saudosa Maloca.

O projeto abordou temas como destinação correta de resíduos, produtos lixo zero como copos, kit feira, canudos, opções que substituem o plástico e poluem o meio ambiente.

Para o parlamentar, é importante a realização de eventos como esse. “Valorizar a economia local e consumir produtos que são produzidos em nossa região é fomentar a nossa cultura. O Pará é um estado rico em sua diversidade, a culinária é um grande diferencial e essa é uma oportunidade do Brasil conhecer”, disse o republicano.

Quem Ama Cuida leva consciência ambiental a evento gastronômico em Belém

A Feira Cuité de gastronomia paraense inovou e tudo no local foi pensado nos mínimos detalhes, como por exemplo, não foi usado descartáveis, os ingredientes foram utilizados a partir da horta cultivada, as embalagens de leite longa vida viraram bolsas térmicas para quem desejava levar para casa a comida regional. Até os copos foram de reuso e somente foi comercializado refil de água, para incentivar o uso consciente.

Prazeres, proprietária do restaurante e uma das idealizadoras da feira, destacou detalhes importantes. “Aqui, tudo é pensado nos mínimos detalhes para agregar a nossa culinária a sustentabilidade. Aqui, usamos o resíduo orgânico como biodigestor, produzimos nosso próprio gás, não usamos nada descartável e até as latas dos ingredientes usados na cozinha viraram vasos para as mudas que cultivamos”, contou a chefe de cozinha.

Outro destaque do Cuité foram os produtores de bijouteria e decoração feitos a partir de sementes e insumos, peças únicas e que valorizam o Pará, como a bandeja feita da folha do cupuaçu.

A culinária exótica do Pará fez sucesso e o objetivo principal do evento foi fortalecer a economia local e valorizar os pequenos produtos, além de divulgar os pratos assinados pelos chefes de cozinha como maniçoba, pato no túmulo, lasanha paraense, dadinho de tapioca, pizza no cone, cachaça de jambú e pato no tucupi.

Texto: Natália Matos / Ascom – deputado federal Vavá Martins
Fotos: Will Santos

Reportar Erro