Projeto incentiva socialização de crianças com doenças raras e graves

Crianças e adolescentes com doenças raras ou graves terão direito a gratuidade em eventos públicos artísticos-culturais, esportivos e de lazer

Publicado em 21/06/2019 - 00:00

Brasília (DF) – É de autoria do deputado federal Severino Pessoa (PRB-AL) o Projeto de Lei nº 3482/2019, que pretende instituir a gratuidade em eventos públicos artísticos-culturais, esportivos e de lazer para crianças e adolescentes com doenças raras ou graves. De acordo com a proposta, os acompanhantes terão direito à meia-entrada.

“Além do sofrimento imposto às crianças pelas doenças graves e raras, existe um isolamento social muito grande de todos os envolvidos. A arte, a cultura, o esporte e o lazer são comprovados instrumentos lúdicos que conduzem ao bem-estar físico e mental, capazes de melhorar significativamente o ânimo e o desejo de lutar pela vida”, defendeu o parlamentar.

Severino Pessoa destacou que no Brasil o número de crianças e adolescentes com doenças graves e raras é expressivo. Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), cerca de 12 mil crianças e adolescentes são diagnosticadas com câncer a cada ano. Já as enfermidades raras são a segunda maior causa de mortalidade de pessoas menores de 18 anos. 6 mil das 8 mil doenças raras existentes afetam crianças.

Texto: Thifany Batista / Ascom – Liderança do PRB na Câmara
Foto: Douglas Gomes

Reportar Erro