Projeto da deputada Maria Rosas sobre transparência é aprovado

Proposta pede que dados sobre uso de recursos dados sejam publicados ano a ano pelos estados, municípios e o Distrito Federal

Publicado em 28/06/2022 - 16:18

Brasília (DF) – A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara aprovou projeto de lei que obriga os estados, municípios e o Distrito Federal a divulgar, de forma anual na internet, os gastos de recursos recebidos via transferência especial.

A proposta tem a coautoria da deputada federal Maria Rosas (Republicanos-SP). Para a parlamentar, é importante mostrar como é feito todo o trabalho para maior transparência do processo. “A falta de informações sobre como é realizado o processo de execução dos recursos de transferências especiais limita a atuação dos órgãos de controle. Além disso, é importante dar mais transparência para os procedimentos que envolvem as políticas públicas”, disse.

As chamadas transferências especiais foram criadas pela Emenda Constitucional nº 105/2019 para tornar mais rápida a execução das emendas parlamentares individuais impositivas e tem como particularidade, a dispensa de celebração prévia de convênio ou de outro instrumento igual para o repasse dos recursos.

De acordo com a matéria, os envolvidos terão até o dia 31 de junho do exercício seguinte ao recebimento dos recursos para enviar o relatório de gestão de transferências especiais na plataforma +Brasil, conforme prevê o regulamento a ser editado pelo Ministério da Economia.

O projeto segue agora para análise da Comissão de Contituição e Justiça da Câmara.

Texto: Ascom – deputada federal Maria Rosas
Foto: Douglas Gomes

Reportar Erro
Send this to a friend