João Roma defende transparência na publicação de dados sobre pandemia

Qualquer ação que reduza a lisura dos números pode prejudicar na tomada de decisões

Publicado em 10/06/2020 - 14:25

Brasília (DF) – O deputado federal João Roma (Republicanos-BA) defendeu, na segunda-feira (8), ampla transparência do Ministério da Saúde na divulgação dos dados relacionados à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Para o parlamentar, qualquer ação que reduza a lisura dos números pode ser prejudicial para a tomada de decisões dos três níveis de governo – federal, estadual e municipal.

João Roma defende transparência na publicação de dados sobre pandemia
Foto: Alex Ribeiro / Agência Pará – Fotos Públicas

Na sexta-feira (5), o Ministério da Saúde alterou a forma de divulgação dos dados sobre a pandemia, o que tem gerado críticas ao governo federal. Roma pondera que é fundamental que haja preocupação com a qualidade e veracidade dos dados que serão publicados, mas rechaça qualquer ação que limite o acesso à totalidade dos números, seja pela imprensa, políticos ou pela população em geral.

“É óbvio que o ministério deve, mesmo, ter atenção redobrada com os dados que são publicados. Contudo, isso não deve ser confundido com falta de transparência. Qualquer tipo de ocultação dos dados é lamentável e pode colocar em risco a vida das pessoas, pois pode afetar a tomada de decisões de todos os governos”, argumenta o deputado.

Para Roma, a mudança feita pelo ministério se tornou mais um elemento que incentiva o clima de acirramento político num momento completamente inapropriado. “Nesse momento, a transparência não deveria ser um problema, porque ela é fundamental. O foco deveria ser proteger os brasileiros. O governo federal deveria estar mais preocupado em salvar vidas e proteger a economia do que em publicar dados em determinado horário ou não”, frisa.

Texto: Ascom – deputado federal João Roma
Foto destaque: Douglas Gomes / Ascom – Liderança do Republicanos

 

Reportar Erro
Send this to a friend