Câmara dos Deputados realiza sessão em homenagem à Suframa

Evento acontece na próxima sexta-feira (15) e foi solicitado pelo deputado federal Capitão Alberto Neto (PRB-AM)

Publicado em 13/03/2019 - 00:00

Brasília (DF) – Em comemoração aos 52 anos de existência da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), a Câmara dos Deputados, em Brasília, realizará Sessão Solene em homenagem ao órgão, na próxima sexta-feira (15). O evento foi solicitado pelo deputado federal Capitão Alberto Neto (PRB-AM).

O republicano solicitou à presidência da Câmara essa homenagem por reconhecer a importância da autarquia para a Amazônia Ocidental. Para o parlamentar, a Suframa precisa ter reconhecimento nacional por sua grande colaboração para economia brasileira, sobretudo, do Amazonas. “Diante de tamanha importância e responsabilidade que esta autarquia representa para o nosso Amazonas e o nosso Brasil, eu como cidadão, não poderia deixar de prestar minhas homenagens aos 52 anos de contribuição para o desenvolvimento do nosso país e como Deputado Federal além de homenagear me coloco a disposição para ajudar a desenvolver ainda mais nossa ZFM”, disse Capitão Alberto Neto.

Segundo ele, hoje a Suframa “é o coração pulsante da economia do Estado, o modelo econômico localizado nas capitais dos Estados da Amazônia Ocidental e nas Áreas de Livre Comércio criadas”.

Zona Franca de Manaus

A Zona Franca de Manaus (ZFM) compreende três polos econômicos: comercial, industrial e agropecuário. O primeiro teve maior ascensão até o final da década de 80, quando o Brasil adotava o regime de economia fechada. O industrial é considerado a base de sustentação da ZFM. O Polo Industrial de Manaus possui aproximadamente 500 indústrias de alta tecnologia gerando mais de meio milhão de empregos, diretos e indiretos, principalmente, nos segmentos de eletroeletrônicos, duas rodas e químico.

Entre os produtos fabricados destacam-se: aparelhos celulares e de áudio e vídeo, televisores, motocicletas, concentrados para refrigerantes, entre outros.

O polo Agropecuário abriga projetos voltados à atividades de produção de alimentos, agroindústria, piscicultura, turismo, beneficiamento de madeira, entre outras.

Texto: Ascom – deputado federal Capitão Alberto Neto
Edição: Agência PRB Nacional
Foto: Douglas Gomes

Reportar Erro