Wagner Montes votou a favor do plano de carreira dos servidores da Saúde do Rio

Wagner Montes votou a favor do plano de carreira dos servidores da Saúde do Rio

Proposta aprovada na última terça-feira (3) pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro tem como objetivo combater a defasagem salarial da categoria

Publicado em 05/04/2018 - 00:00

Wagner Montes votou a favor do plano de carreira dos servidores da Saúde do Rio
Proposta aprovada na terça-feira (3) pela Assembleia Legislativa tem como objetivo combater a defasagem salarial da categoria

Rio de Janeiro (RJ) – O deputado estadual Wagner Montes (PRB-RJ) votou, na última terça-feira (3), pela aprovação do Plano de Cargos e Remuneração dos servidores da Saúde do Estado do Rio de Janeiro. Pela matéria aprovada pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, as remunerações serão reajustadas gradualmente ao longo de 48 meses. Segundo os cálculos do Governo, o impacto inicial será de R$ 92 milhões na folha de pagamento, incluindo a de inativos.

O objetivo da proposta é combater a defasagem salarial da categoria. Atualmente, servidores com nível superior completo têm os vencimentos-base entre R$ 1.662,39 e R$ 1.665,62, divididos em três classes. Com a aprovação da proposta, as remunerações poderão ir de R$ 4.230,79 a R$ 6.513,11, variando entre as três classes existentes, mas com quatro níveis diferentes dentro de cada uma dessas classes.

“Valorizar os profissionais da área de saúde e cumprir as leis de regulamentação do quadro e a remuneração da saúde é obrigação do governo do Rio para resgatar o serviço público de saúde em todo o estado. Por isso, votei sim para o Projeto de Lei nº 3960/2018, que garante a reestruturação do plano de cargos e remuneração da Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro”, escreveu Wagner Montes em sua rede social.

O parlamentar lembrou, ainda, que os profissionais da Saúde vêm de uma luta antiga por reajuste e espera que agora sejam de fato contemplados. “É grande e duradoura a luta desses profissionais e motivos para aprovação do não faltam. Entre eles está o fato de que há 30 anos os servidores esperam essa valorização. Em 2002, o plano da Saúde foi reformulado, mas não foi implementado por sucessivos governos. Se o plano é lei, que ela seja cumprida! É uma questão de justiça! ”, ressaltou o deputado do PRB.

Texto: Agência PRB Nacional, com informações da Ascom – deputado Wagner Montes
Foto: Cedida

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro