Senador quer estender direitos dos motoboys aos motociclistas da ECT

País gasta mais de R$ 5 bilhões por ano com acidentes de trânsito

Publicado em 24/08/2012 - 00:00

Senador quer estender direitos dos motoboys aos motociclistas da ECT
País gasta mais de R$ 5 bilhões por ano com acidentes de trânsito

Brasília (DF) – O senador Eduardo Lopes (PRB-RJ) defendeu a extensão dos direitos previstos na regulamentação da profissão de motoboy aos motociclistas que trabalham para a Empresa de Correios e Telégrafos (ECT). O senador pediu ao presidente da ECT, Wagner Pinheiro de Oliveira, que reconheça estes profissionais como uma categoria profissional distinta dentro da empresa.

Eduardo Lopes ressaltou os riscos a que estão sujeitos os motoboys. Estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) indica que o país gasta mais de R$ 5 bilhões por ano com despesas advindas de acidentes de trânsito. Proporcionalmente, os que têm custo mais elevado são aqueles que envolvem motociclistas. “Números do Corpo de Bombeiros paulista dizem que (anualmente) são 279.140 atendimentos, que geraram 291.882 vítimas, das quais 2.149 fatais. Dados da Polícia Rodoviária Federal mostram que o número de acidentes envolvendo motos aumenta relativamente mais do que a quantidade de veículos registrados nos órgãos oficiais. No período em que foi aferido um crescimento de 23,48% da frota de motos, o número de acidentes, no entanto, aumentou em 31,71%”, disse.

Eduardo Lopes salientou também os gastos elevados decorrentes dos atendimentos médicos. “Estudo do Hospital das Clínicas de São Paulo mostrou que 68,7% das vítimas de acidentes ocorridos durante a condução desses veículos permanecem internadas, em média, por 15,8 dias”.

Texto: Agência Senado
Foto: Waldemir Barreto – Ag. Senado

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro