Sancionada lei de autoria do deputado Delmasso contra maus tratos aos animais no DF

Sancionada lei de autoria do deputado Delmasso contra maus-tratos aos animais no DF

Lei tipifica como maus-tratos os atos que atentem contra a liberdade psicológica, fisiológica, sanitária e ambiental dos animais

Publicado em 28/05/2018 - 00:00

Sancionada lei de autoria do deputado Delmasso contra maus-tratos aos animais no DF
Lei tipifica como maus-tratos os atos que atentem contra a liberdade psicológica, fisiológica, sanitária e ambiental dos animais

Brasília (DF) – O Governo do Distrito Federal sancionou, na terça-feira (22), lei de autoria do deputado distrital Rodrigo Delmasso (PRB-DF) que define sanções a serem aplicadas pela prática de maus-tratos a animais. O evento aconteceu no Salão Nobre do Palácio do Buriti, com a presença do o secretário de Meio Ambiente, Felipe Ferreira, entre outras autoridades.

A medida atualiza a lei dos direitos dos animais domésticos, já que na redação anterior não havia uma legislação que os abrangesse. Além de tornar a fiscalização mais eficiente, punindo instituições e não apenas o tutor, a norma altera também os valores das multas e prevê requisitos para garantir o bem-estar dos animais. Na legislação anterior, a multa variava de R$ 200 para casos considerados leves a R$ 2.250 para infrações graves. Agora, o fiscal pode aplicar a correção, ao identificar a situação de crueldade, no valor de 1 a 40 salários mínimos.

Delmasso disse que o DF pode ser referência no combate aos maus-tratos. “Aqui, eu só fui um signatário e tive a honra de trabalhar para a aprovação desse projeto. E no que depender de mim, faremos do DF um exemplo de boa execução da política de proteção animal”.

Pela lei, são tipificados como maus-tratos os atos que atentem contra a liberdade psicológica, como deixar o animal amarrado por muito tempo, ambiente comportamental, fisiológica, sanitária e ambiental dos bichos. Antes, somente eram autuados casos em que eles estivessem com danos físicos, como cortes ou feridas abertas.

Para o secretário do Meio Ambiente, Felipe Ferreira, a lei observa que os animais são seres que sentem dores, amor e alegria, por isso é tipificado danos emocionais. “O apoio do deputado é fundamental para que consigamos fazer uma política mais forte, não só na questão da legislação, mas no apoio até com recursos orçamentários para melhorar a questão do hospital veterinário ou implementar o controle populacional, que é a castração”, disse o secretário.

Texto e foto: Ascom – deputado distrital Rodrigo Delmasso
Edição: Agência PRB Nacional

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro