Rogéria Santos defende mês de prevenção e combate ao câncer de Mama em Salvador

Rogéria Santos defende mês de prevenção e combate ao câncer de mama em Salvador

Vereadora apresentou proposta sugerindo a criação do “Mês Municipal Salvador Outubro Rosa” para estimular o empenho do município e empresas no combate ao câncer

Publicado em 05/10/2017 - 00:00

Rogéria Santos defende mês de prevenção e combate ao câncer de Mama em Salvador
Vereadora apresentou proposta sugerindo a criação do “Mês Municipal Salvador Outubro Rosa” para estimular o empenho do município e empresas no combate ao câncer

Salvador (BA) – Visando ampliar as ações de combate ao câncer de mama, a vereadora Rogéria Santos (PRB) apresentou projeto de lei que sugere a criação do “Mês Municipal Salvador Outubro Rosa”, que tem como objetivo estimular o município e as empresas privadas sobre a importância de alertar sobre os fatores de riscos e de prevenções primárias e secundárias da doença.

“Para nós, que militamos por esta causa há muito tempo, auxiliando mulheres e tentando trazê-las à uma consciência preventiva, o objetivo não é apenas canalizar o mês para o câncer de mama. Observamos que as campanhas têm trabalhado com o problema já instalado, com as vítimas de câncer, com isso a detecção precoce se torna muito pouca”, ressaltou a legisladora.

A finalidade da prevenção básica é impossibilitar que a doença se desenvolva, com a adoção de um modo de vida saudável e abstenção do contato com substâncias propensas ao câncer. Já as medidas secundárias atuam na detecção e tratamento de doenças pré-malignas, não apenas na mama, mas em todo o corpo da mulher, como a lesão causada pelo vírus HPV, pólipos nas paredes do intestino, ou ainda, cânceres assintomáticos iniciais.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o risco é usado para definir a chance de uma pessoa saudável, exposta a determinados fatores ambientais ou hereditários, desenvolver uma doença. Os fatores de risco são os fatores relacionados ao aumento do risco de se desenvolver uma doença. Eles podem ser encontrados no ambiente físico, herdados ou resultado de hábitos e costumes próprios de um determinado ambiente social e cultural. O Inca ainda apresenta fatores de risco que são: tabagismo, alimentação, peso corporal, hábitos sexuais, fatores ocupacionais, bebidas alcoólicas, exposição solar, radiações e medicamentos. O instituto estima quase três mil casos de câncer de mama na Bahia.

“Sabemos que a resposta de um tratamento será relativa ao paciente. Quando podemos tratar meninas e mulheres, ainda jovens, criamos nesse público uma consciência preventiva, que trará o autoconhecimento do seu corpo. Vamos trabalhar com muita força nas causas primárias dessas doenças, para que possamos evitar o tratamento de choque das causas secundárias, que é muito mais custoso e minucioso tanto para o paciente quanto para quem trata, além dos seus familiares”, explicou Rogéria.

Tramita na Câmara Municipal de Salvador projeto de indicação da parlamentar que propõe a divulgação de campanhas publicitárias de combate e prevenção ao câncer, em vídeo, que poderão ser exibidas nos painéis/monitores audiovisuais localizados dentro dos vagões do metrô, bem como nas estações de embarque e desembarque.

No município, acontecem mutirões em várias comunidades, para realização de exames clínicos de prevenção ao câncer de mama, além de palestras educativas. As ações acontecem durante todo o mês, em 14 bairros da cidade, dentre eles a região do Iguatemi.   

“Os dados estatísticos quanto ao câncer em mulheres são altos, enquanto legisladora deste município não ficarei omissa. É meu dever buscar atuações em benefício da população”, finalizou Rogéria Santos.

Texto: Izabela Silva / Ascom – vereadora Rogéria Santos
Foto: Silas Silva
Edição: Agência PRB Nacional

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: [email protected]. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro
Send this to a friend