Ricardo Evangelista quer proibir entrada de crianças em exposições com conteúdo impróprio

“Ao invés de proibir as manifestações artísticas, estamos regulamentando o acesso de menores a essas exposições com conteúdo impróprio”, explica o vereador do PRB Niterói (RJ)

Publicado em 06/01/2018 - 00:00

Ricardo Evangelista quer proibir entrada de crianças em exposições com conteúdo impróprio
“Ao invés de proibir as manifestações artísticas, estamos regulamentando o acesso de menores a essas exposições com conteúdo impróprio”, explica Ricardo Evangelista

Niterói (RJ) – Após algumas exposições com cenas de nudez provocarem polêmica em Porto Alegre e em São Paulo, o vereador Ricardo Evangelista (PRB) atendeu o pedido de pais, mães, associações e igrejas de Niterói, preocupados com a exposição de crianças e adolescentes ao conteúdo impróprio. O republicano apresentou o Projeto de Lei n° 206/2017, que proíbe “a entrada de crianças e adolescentes em exposições de obras de artes e espetáculos que contenham nudismo, pornografia, zoofilia, conteúdo devasso, libidinoso, imoral ou imprópria para a faixa etária, ainda que com a autorização dos pais”.

De acordo com o texto, os estabelecimentos deverão afixar em local visível e de fácil acesso ao público aviso contendo a proibição desta Lei, sob pena de multa, interdição e até cassação de licença. “Ao invés de proibir as manifestações artísticas, estamos regulamentando o acesso de menores a essas exposições com conteúdo impróprio. Uma saída justa e democrática para a polêmica”, explica o vereador.

O projeto foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal de Niterói, e segue tramitando por outras comissões.

Texto e foto: Ascom – vereador Ricardo Evangelista
Edição: Agência PRB Nacional

 

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro