Previdência: Silas Câmara destaca Portaria que define benefício para viúvas

Previdência: Silas Câmara destaca Portaria que define benefício para viúvas

Deputado do PRB comemorou a rejeição do destaque que alterava as regras de pensão por morte no texto-base da reforma da Previdência

Brasília (DF) – O deputado federal Silas Câmara (PRB-AM) comemorou a rejeição do destaque que alterava as regras de pensão por morte no texto-base da reforma da Previdência, por 339 votos a 153, na noite desta quarta-feira (7). Em nome do PRB e da Bancada Evangélica, ele considerou um grande avanço o acordo realizado, que definiu o que será considerado renda do dependente para efeito de concessão de pensão por morte pelo INSS.

“A Portaria 936, divulgada hoje, define se o benefício das viúvas vai ser inferior ou não ao salário mínimo. De acordo com a medida, a fonte formal de renda do dependente será o somatório dos rendimentos recebidos mensalmente. Tudo o que for renda de uma viúva e não ultrapassar um salário mínimo não será somado à aposentadoria”, resumiu Silas Câmara.

O republicano explica que, com as mudanças, o processo ficou mais fácil. “Tiramos a burocracia do meio. Antigamente, se a viúva perdesse essa renda formal teria que se deslocar fisicamente a uma agência do INSS. Agora, é automático: perdeu a renda formal, o gatilho é automático, e a Previdência repõe imediatamente o salário mínimo”, disse.

“Nós, como Frente Parlamentar Evangélica, chegamos a uma equação que é absolutamente justa e garante a permanência do benefício não apenas para o dia seguinte, mas para o futuro das pessoas que vão precisar usar esse benefício. Este acordo garante não apenas o presente, mas também o futuro das viúvas brasileiras. Nós, como Bancada Evangélica, temos o compromisso e a responsabilidade de proteger os pequenos e os necessitados”, disse.

Ainda segundo Silas, a proposta enviada para a Câmara previa que, na definição do benefício para as viúvas, deveria ser considerada toda a renda do grupo familiar. Portanto, de acordo com a norma orginalmente proposta, seria possível a percepção de um benefício de pensão por morte com valor abaixo do salário mínimo.

Texto: Mônica Donato / Ascom – Liderança do PRB
Foto: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O Republicanos está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@republicanos10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Rosangela Gomes (Republicanos-RJ):

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Republicanos

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal Republicanos?

pautas@republicanos10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

Receba as novidades do PRB no seu e-mail

Boletim 10: enviado às segundas-feiras. Não enviamos spam.