Russomanno comemora aprovação do marco regulatório para transporte de cargas

Deputado considerou a aprovação da matéria de extrema relevância para os caminhoneiros e lembrou que a questão da segurança ainda é um dos principais problemas a ser enfrentado

Brasília (DF) – Com o apoio da bancada do PRB, o Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (20), o texto-base do novo marco regulatório para o transporte rodoviário de cargas no país – Projeto de Lei 4860/16. O líder do PRB, deputado federal Celso Russomanno (SP), considerou a aprovação da matéria de extrema relevância para os caminhoneiros e lembrou que a questão da segurança ainda é um dos principais problemas a ser enfrentado.

Russomanno chamou atenção para a rotina dos caminhoneiros que, muitas vezes, são vítimas de todos os tipos de violência nas estradas. “Pedágios caríssimos, manutenção do veículo de alto custo, combustível caro, baixos valores como pagamento pelo frete – é uma vida inviável. Espero que o marco regulatório ajude a melhorar a condição de vida dos caminheiros e que eles possam continuar trafegando pelas estradas brasileiras com mais segurança”, disse.

Na avaliação do parlamentar, o marco regulatório representa um avanço para a categoria. “Estamos agravando a pena para quem rouba, desvia ou faz receptação de carga. Também garantimos aos caminhoneiros o direito de fiscalizar, dentro das empresas onde estão sendo carregados seus caminhões, o que está sendo transportado. Imagina, de repente, a polícia abordar o caminhão e descobrir que dentro da carga tem algum tipo de produto ilícito. O caminhoneiro precisa saber o que está levando”, disse o deputado.

A contratação de seguros aplicáveis também foi modificada. O projeto amplia as coberturas obrigatórias e inclui o seguro contra desvio de cargas e o de responsabilidade sobre terceiros. Por meio de alteração no Código Penal, estabelece punição mais rigorosa para os crimes de roubo e receptação.

O texto estabelece diferenças entre o transporte rodoviário de cargas feito por terceiros e feito mediante remuneração, e o transporte de carga própria, seja por empresas, pessoas físicas ou cooperativas. O novo código trata, ainda, dos pontos de parada e descanso dos trabalhadores.

Proposta

O novo marco regulatório para o transporte rodoviário de cargas no país foi uma das demandas apresentadas pela categoria com parte das negociações para finalizar a Greve dos Caminhoneiros, que durou 11 dias. “Quando se diz que o Brasil não anda sem caminhão, é verdade. Vimos isso na greve que aconteceu recentemente, quando o país acordou para a necessidade de tratá-los com mais humanidade”, finalizou Russomanno.

A proposta segue para apreciação do Senado Federal.

Texto e foto: Ascom – Liderança do PRB

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Rosangela Gomes (PRB-RJ):

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

Receba as novidades do PRB no seu e-mail

Boletim 10: enviado às segundas-feiras. Não enviamos spam.