Republicanos votaram contra cobrança de bagagens por companhias aéreas

Republicanos votaram contra cobrança de bagagens por companhias aéreas

O líder do Republicanos na Câmara, deputado federal Jhonatan de Jesus, lembrou que a promessa do barateamento dos tickets aéreos, com a cobrança das bagagens feita à parte, é antiga

Brasília (DF) – A bancada do Republicanos votou a favor da gratuidade das bagagens para viagens aéreas, durante a Sessão do Congresso Nacional que apreciou os vetos do presidente da República, Jair Bolsonaro, nesta quarta-feira (25). O veto foi rejeitado por 247 parlamentares, mas eram necessários 257 votos para derrubá-lo e a cobrança de bagagens continua. Parlamentares republicanos lamentaram o resultado da votação.

O líder do partido na Câmara, deputado federal Jhonatan de Jesus (Republicanos–RR), lembrou que a promessa do barateamento dos tickets aéreos, com a cobrança das bagagens feita à parte, é antiga. “Os parlamentares que estão prometendo baratear as passagens fizeram o mesmo em 2016, no início da mudança, e até hoje não vemos diferença. Muitas notícias afirmam que vai ter passagem por 150 e 200 reais. A mesma promessa feita dois anos atrás, sem sucesso”, criticou.

Republicanos votaram contra cobrança de bagagens por companhias aéreasO deputado federal Vinicius Carvalho (Republicanos–SP) argumenta que o consumidor continuará sendo prejudicado. “Querem colocar a conta sobre o trabalhador. Nós, parlamentares, somos os representantes do povo. Devemos buscar os interesses da população e não das empresas que vêm para o Brasil somente em busca de lucratividade. Precisamos derrubar o veto”, defendeu.

Para reverter o resultado, parlamentares de várias legendas cobraram a votação do Projeto de Decreto Legislativo (PDC), do republicano Celso Russomanno (SP), que susta a Resolução da Anac responsável por permitir as tarifas para despache de malas. “Esse PDC não foi votado até hoje porque demos às companhias aéreas o direito de mostrar que as passagens baixariam. Isso efetivamente não aconteceu. Então, vamos nos juntar para assinar o PDC, a fim de que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, coloque em pauta no Plenário, porque já foi votado no Senado”, disse Russomanno.

Entenda a medida

Em 2016, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), responsável pela fiscalização do setor aéreo comercial, divulgou resolução que autorizava empresas a vender passagens com diferentes tipos de franquias para despache. Em maio deste ano, o Congresso incluiu a franquia mínima de bagagem em voos domésticos, por emenda parlamentar na Medida Provisória 863/2018.

O texto autorizava passageiros levarem, sem cobrança adicional, uma mala de até 23kg em voos domésticos. Porém, com a derrubada da medida, as empresas aéreas estão permitidas a cobrar a tarifa.

Texto: Thifany Batista, com edição de Mônica Donato / Ascom – Liderança do Republicanos
Fotos: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal Republicanos? É muito simples. A Agência Republicana de Comunicação (Arco) disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@republicanos10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O Republicanos está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@republicanos10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Rosangela Gomes (Republicanos-RJ):

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Republicanos

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal Republicanos?

pautas@republicanos10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

Receba as novidades do PRB no seu e-mail

Boletim 10: enviado às segundas-feiras. Não enviamos spam.