Marcos Pereira assume vice-presidência na Frente Parlamentar contra Pirataria

Marcos Pereira assume vice-presidência na Frente Parlamentar contra Pirataria

Deputado federal do Republicanos-SP assumiu a vice-presidência de Propriedade Intelectual no Colegiado

Brasília (DF) – Com adesão de 220 deputados e 16 senadores, a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Propriedade Intelectual e de Combate à Pirataria foi reinstalada na Câmara dos Deputados, na última quarta-feira (4), na Câmara dos Deputados. A Frente será presidida pela deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) e terá como vice-presidentes: o senador Marcos Rogério (DEM-RO) e os deputados Marcos Pereira (Republicanos-SP), Propriedade Intelectual; Felipe Francischini (PSL-PR), Pirataria; e Lucas Redecker (PSDB-RS), Combate ao Contrabando.

Durante a cerimônia de reinstalação, parlamentares, representantes do setor e do governo debateram meios de combater a prática que fomenta o enriquecimento de facções criminosas diretamente envolvidas com contrabando, falsificação, tráfico de drogas, assaltos e até exploração infanto-juvenil.

O deputado Marcos Pereira, vice-presidente de Propriedade Intelectual, citou números alarmantes do Fórum Nacional Contra a Pirataria e Ilegalidade (FNCP), que mostram o prejuízo dessas atividades ilícitas. “O Brasil perde 130 bilhões de reais por ano com o contrabando e comércio ilegal de produtos e conteúdo. Esta Frente deve ser criada para ensinar que o Direito de Propriedade é natural. Natural para as sociedades que querem enriquecer”, disse.

Como mecanismo contra a pirataria, o republicano ressaltou a necessidade de otimizar o processo de registro de marcas e patentes. “Fui relator do projeto do Protocolo de Madri no plenário desta Casa. Só foi possível aprová-lo, aqui, porque, enquanto ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, atuei para agilizar o processo e diminuir o prazo, que quando assumimos era de aproximadamente 3 anos. Conseguimos diminuir esse tempo para 1 ano e 2 meses, ou seja, dentro da exigência do Protocolo de Madri, que é de, no máximo, 1 ano e 6 meses”, explicou.

A presidente do colegiado, deputada Mariana Carvalho, observa que a pirataria prejudica também a saúde do cidadão. “Os danos da prática não ficam restritos apenas à propriedade intelectual, além de atingir as empresas que trabalham na legalidade, ela coloca em risco nossa sociedade, como é o caso da pirataria de medicamentos”, argumentou a parlamentar, que é médica cardiologista.

O deputado Lucas Redecker lembrou que também é preciso coibir a participação da sociedade no processo de comercialização de produtos falsificados. “Temos vários desafios. Uma Legislação mais enérgica e a ampliação da ação dos órgãos de controle são fundamentais, mas o trabalho de conscientização da população é imprescindível. Três a cada 10 brasileiros têm hábitos de comprar produtos piratas, sem muitas vezes saber o impacto disso, sobretudo, na arrecadação de impostos, prejudicando toda uma cadeia”, argumentou.

O senador Marcos Rogério também falou sobre a responsabilidade dos dois lados envolvidos no processo de pirataria: o de quem a promove e o de quem a consome, no caso, os cidadãos. Para ele, a situação requer uma reflexão de todo o país. “Há um problema no seio da sociedade. Se o Brasil não tivesse a cultura de relativizar valores, não seria nem necessário a criação dessa Frente”, afirmou.

Representando a Motion Pictures Association (MPA), Andressa Pappas, falou da importância de um dos setores mais lesados com a atividade ilícita, o de audiovisual. “O áudio visual representa 2% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro. Só em 2016 o faturamento foi de 25 bilhões de reais, representando um montante de arrecadação tributária de 3 bilhões reais, sem falar na geração de quase 700 mil empregos. Não se trata apenas de baixar um filme pirata. A situação é muito mais grave do que isso”, finalizou.

Texto: Fernanda Cunha, com edição de Mônica Donato / Ascom – Liderança do Republicanos na Câmara
Foto: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal Republicanos? É muito simples. A Agência Republicana de Comunicação (Arco) disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@republicanos10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O Republicanos está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@republicanos10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Rosangela Gomes (Republicanos-RJ):

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Republicanos

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal Republicanos?

pautas@republicanos10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

Receba as novidades do PRB no seu e-mail

Boletim 10: enviado às segundas-feiras. Não enviamos spam.