Comissão da AL/BA debate Saúde, Doenças Vetoriais e Meio Ambiente

Comissão da AL/BA debate Saúde, Doenças Vetoriais e Meio Ambiente

Audiência pública foi proposta pelo deputado estadual José de Arimateia (Republicanos-BA)

Salvador (BA) – A Sala Eliel Martins, localizada na Assembleia Legislativa da Bahia (AL/BA), foi palco de uma discussão minuciosa sobre Saúde, Doenças Vetoriais e Meio Ambiente. O idealizador da audiência pública, realizada na quarta-feira (11), foi o presidente do Colegiado, deputado estadual José de Arimateia (Republicanos-BA).

O objetivo do evento foi debater a atual situação da zika, dengue, chikungunya, febre amarela e a importância de uma cobertura universal e assídua dos serviços de saneamento básico na Bahia e Brasil. Na ocasião, José de Arimateia garantiu que fará uma série de encaminhamentos aos órgãos competentes sobre normas e regulações no uso de inseticidas, agrotóxico, armazenamento de água nos esgotos, critérios para o abastecimento de água, além da execução de campanhas assíduas e mobilizações sociais acerca dos assuntos pontuados.

Durante a audiência, o republicano falou da necessidade extrema dos gestores em priorizar o saneamento básico nos municípios baianos. “Caso não tenha esse empenho necessário por partes das autoridades a situação será insustentável”, disse.

De acordo com o médico infectologista e pesquisador em Saúde Pública da Fiocruz, Guilherme de Sousa Ribeiro, o enfrentamento das arboviroses não pode ser feito apenas pelo setor da saúde. Para ele é necessário a realização de ações intersetoriais que envolvem educação, saneamento básico e investimentos em pesquisas. “Sem a redução na produção de resíduos sólidos, das desigualdades sociais, ampliação do sistema de coleta de esgoto e fornecimento regular de água potável não teremos êxito na prevenção e controle das arboviroses”, opinou, enfatizando também na importância do investimento em ações de desenvolvimento social e saneamento básico.

Para a coordenadora do Programa de Pós Graduação em Saúde, Ambiente e Trabalho da Faculdade de Medicina na Universidade Federal da Bahia (UFBA), Rita de Cássia Franco Rêgo, o evento soube transmitir bem o panorama geral e mundial do saneamento básico no controle das arboviroses e medidas necessárias no contexto, mostrando a multidimensionalidade desse processo. Em sua palestra ela ressaltou que cerca de 83,5% dos brasileiros são atendidos com abastecimento de água tratada. São quase 35 milhões de brasileiros sem esse serviço básico. No Nordeste o abastecimento de água acontece para 73,25% da população. “É fundamental o investimento em Políticas de Infraestrutura de Saneamento”, disse Rita de Cássia, afirmando que a cada R$ 1,00 investido em saneamento gera economia de R$ 4,00 na Saúde.

Texto: Ludmilla Cohim / Ascom – deputado estadual José de Arimateia
Edição: Agência Republicana de Comunicação (Arco)
Foto: Helena Oliveira

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal Republicanos? É muito simples. A Agência Republicana de Comunicação (Arco) disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@republicanos10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O Republicanos está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@republicanos10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Rosangela Gomes (Republicanos-RJ):

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Republicanos

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal Republicanos?

pautas@republicanos10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

Receba as novidades do PRB no seu e-mail

Boletim 10: enviado às segundas-feiras. Não enviamos spam.