Lei de Nilton Santos visa combater trotes em Limeira

Lei de Nilton Santo visa combater trotes em Limeira

Já em vigor no município, lei do vereador republicano propõe a aplicação de multas a quem passar trotes no Samu

Limeira (SP) – O prefeito de Limeira (SP) sancionou lei de autoria do vereador Nilton Santos (PRB), que possibilita a aplicação de multa para os proprietários de linhas telefônicas, fixas ou móveis (celulares), das quais tenham sido originados trotes para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Limeira. Na Câmara, a proposta do republicano recebeu votação favorável de todos os vereadores.

O objetivo da lei, segundo o proponente, é reduzir os números de comunicações falsas cometidas na cidade, muitas vezes por crianças e adolescentes, alertando os pais quanto ao risco da penalidade. “As falsas chamadas podem colocar em risco vidas que verdadeiramente precisam de socorro. O efeito é ampliar a divulgação e estimular a municipalidade a realizar campanhas educativas em apoio a todos os serviços públicos de urgência”, justificou Nilton.

A Lei define que o Samu deverá anotar o número de origem do trote e encaminhar às empresas telefônicas para identificação dos proprietários. Já as chamadas originadas em telefones públicos (orelhões) serão anotadas em separado para levantamento de incidência geográfica e identificação pelo órgão competente.

A legislação prevê ainda que, após a identificação dos proprietários das linhas telefônicas, os relatórios serão enviados ao órgão municipal competente, que adotará as medidas cabíveis, incluindo a lavratura de auto de infração.

Segundo a norma, as multas aplicadas poderão ser transformadas em atividades pedagógicas, por meio da participação em programas de educação a serem desenvolvidas pelo Samu.

De acordo com o autor da Lei, “na cidade de Limeira nós temos cerca de 15 a 20 trotes todos os dias. E, quando há o deslocamento da viatura para o socorro mentiroso, deixa de socorrer quem verdadeiramente está precisando. Cada vez que uma viatura se desloca é um gasto de R$ 300 a R$ 500. Então, além do prejuízo à vida, há um prejuízo monetário muito grande”.

Para o vereador, em época de férias escolares esses números aumentam. “Nesses casos, os pais têm que orientar seus filhos quanto ao ato prejudicial de aplicar um trote”, disse.

As normas complementares relativas à fiscalização e aplicação de multas deverão ser regulamentadas pela prefeitura.

Texto e foto: Ascom – vereador Nilton Santos
Edição: Agência PRB Nacional

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O Republicanos está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@republicanos10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Rosangela Gomes (Republicanos-RJ):

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Republicanos

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal Republicanos?

pautas@republicanos10.org.br

Pin It on Pinterest

Receba as novidades do PRB no seu e-mail

Boletim 10: enviado às segundas-feiras. Não enviamos spam.