Jony Marcos e Heleno Silva participam de encontros em Brasília para tratar da água em SE

Republicanos participaram de audiências com o presidente da República, Michel Temer, e com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho

Publicado em 27/10/2016 - 00:00

jony-marcos-prb-com-heleno-silva-foto-cedida-27-10-16
Jony Marcos e Heleno Silva, durante audiência com o ministro Helder Barbalho

Brasília (DF) – O deputado federal Jony Marcos (PRB-SE) e o prefeito de Canindé do São Francisco, Heleno Silva (PRB-SE) participaram, no início desta semana, de encontros em Brasília. Na segunda-feira (24), os republicanos estiveram com o presidente da República, Michel Temer, e na terça-feira (26), a audiência foi com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho. Dentre diversas reivindicações apresentadas sobre Sergipe, os republicanos solicitaram providências quanto a distribuição de água no sertão e a venda do milho para consumo animal visando salvar a bacia leiteira.

De acordo com o Jony Marcos, as áreas atingidas com a seca no sertão sergipano, embora estejam contando com a assistência do Exército, não têm sido suficientes, porque a forma da distribuição de água com carros pipa, conhecidos no sertão como “carradas d’água”, está sendo feita de forma inferior a real necessidade. “O Governo Federal está fazendo propaganda de um menino falando que não vai faltar água, mas lamentamos que a realidade não seja essa. O Exército vai cadastrar as famílias que precisam, só que a metodologia dele é diferente da necessária. O município cadastra 3 mil famílias em uma cidade e a Defesa Civil cadastra na mesma cidade 1,5 mil, mas vem o Exército e cadastra só 300. Então, onde o Exército entregava 10 ‘carradas d’água’, hoje entrega duas. A realidade hoje é que o sertão está sem água”, disse o deputado republicano, ao presidente Temer.

Na ocasião, o prefeito Heleno Silva considerou que o Exército apenas cumpre regras e esquece de olhar o lado social das famílias afetadas, não atendendo a todos. “Presidente, na minha cidade precisaria hoje de 2,5 mil ‘carradas d’água’, no mínimo, e o Exército só entrega 200. A metodologia engessada no regime militar só cumprindo regras, precisa ser revista”, reclamou o prefeito.

O presidente Michel Temer, por sua vez, sensibilizou-se com a situação e determinou uma reunião resolutiva para o dia 07 de novembro com o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, e acrescentou que devem ser convocados também a participar o setor de distribuição de água do Exército Brasileiro, a Defesa Civil Nacional e a Defesa Civil Estadual de Sergipe.

Audiência com o ministro

Na terça-feira (26), um dia depois do encontro com o presidente, o deputado federal Jony Marcos e o prefeito Heleno Silva, estiveram em audiência com o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, a pedido do próprio Michel Temer. Segundo Jony Marcos, na audiência, que contou com a participação também do deputado Fábio Reis (PMDB), foi registrada uma perspectiva positiva para os produtores.

Preço acessível ao produtor

Na oportunidade do encontro com o presidente, o deputado Jony Marcos destacou também a necessidade de apoio do governo federal para a bacia leiteira de Sergipe. Jony frisou que além da seca, os produtores enfrentam dificuldades para alimentar seu gado produtor de leite, e solicitou da Presidência a venda do milho em estágio de apenas consumo animal em preço inferior ao de mercado. “Seria interessante se o Governo Federal pudesse autorizar a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) a vender esse tipo de milho no preço abaixo do mercado, num preço mais social e acessível aos produtores que já enfrentam a seca. Se acontecer isso vai salvar o gado da região e por tabela a produção de leite”, pontuou Jony Marcos. O presidente Michel Temer considerou também viável o pedido e solicitou uma audiência entre o deputado e o ministro da Agricultura Blairo Maggi.

Texto: Ascom – PRB Sergipe
Edição: Agência PRB Nacional
Foto: Cedida

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro