Lafayette de Andrada destaca segurança e energia renovável como prioridades do mandato

Frente por energia limpa e sustentável será lançada na próxima quarta-feira (15)

De iniciativa do deputado federal Lafayette de Andrada (PRB-MG), colegiado defenderá investimentos do governo no setor e incentivará a produção de energia de fontes renováveis

Publicado em 10/05/2019 - 00:00

Frente por Energia Limpa e Sustentável será lançada na próxima quarta-feira (15)
De iniciativa do deputado federal Lafayette de Andrada (PRB-MG), colegiado defenderá investimentos do governo no setor e incentivará a produção de energia de fontes renováveis

Brasília (DF) – Será lançada na próxima quarta-feira, 15 de maio, às 10h, na Câmara dos Deputados, a Frente Parlamentar Mista da Energia Limpa e Sustentável. A iniciativa, do deputado federal Lafayette de Andrada (PRB-MG), busca debater, aprimorar e promover a legislação federal sobre as políticas públicas já existentes para o setor de energia limpa e sustentável, além de defender investimentos do governo no setor, incentivar a produção de energia de fontes renováveis, entre outros objetivos.

O lançamento da frente terá a presença do ministro de Minas e Energia e representantes de entidades ligadas à área produção de energia, além de deputados e senadores de todos os estados.

Segundo Lafayette, a frente é um passo para o futuro, uma vez que a busca de energia limpa a sustentável deve ser constante para a população. “Os combustíveis fósseis estão em declínio irreversível. Há muito a fazer em nosso Brasil, não há tempo a perder. Precisamos criar as condições para transformar nossa matriz energética. Deus abençoou nosso país com as fontes limpas e sustentáveis e precisamos aproveitar isso”, afirmou o deputado.

De acordo com dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), a energia eólica total produzida no país hoje é maior que a energia produzida pela usina hidrelétrica de Itaipu. Nesse mesmo caminho de crescimento, em apenas dois anos houve um aumento de 560% de energia solar instalada no Brasil.

Dados da Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica) mostram que cada megawatt instalado de energia através dos ventos gera 15 postos de trabalho. Desde o início do setor, já foram gerados mais de 190 mil postos de trabalho.

Segundo a Associação Brasileira do Biogás (Abiogás), o Brasil tem o maior potencial energético do mundo de produção de biogás, por causa do alto volume de resíduos orgânicos disponíveis. “O alto custo da energia elétrica e os novos rumos do uso da energia limpa mostram que o futuro precisa caminhar para a sustentabilidade”, avalia Lafayette.

O lançamento ocorrerá no restaurante do Salão Nobre da Câmara dos Deputados.

Texto: Michelle Araújo / Ascom – deputado federal Lafayette de Andrada
Foto: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro