Fagundes projeta votação expressiva para Sachetti ao Senado na Baixada Cuiabana

Para o candidato ao governo de Mato Grosso, o senador Wellington Fagundes, o republicano Sachetti terá pelo menos 20% dos votos da região de Várzea Grande

Publicado em 31/08/2018 - 00:00

Para o candidato ao governo de Mato Grosso, o senador Wellington Fagundes, o republicano Sachetti terá pelo menos 20% dos votos da região de Várzea Grande

Cuiabá (MT) – Mesmo diante de uma disputa prevista como bastante acirrada, o candidato ao Senado Federal pela coligação ‘A Força da União’, deputado federal Adilton Sachetti (PRB), deve receber uma expressiva votação, no dia 7 de outubro, na Região Metropolitana de Cuiabá. A expectativa é de que, mesmo tendo sua base eleitoral na região Sul de Mato Grosso, Sachetti conquiste mais de 20% dos votos válidos na capital, em Várzea Grande e demais municípios do Vale do Cuiabá.

A projeção partiu do candidato ao governo de Mato Grosso pela coligação, senador Wellington Fagundes (PR), e do candidato a deputado federal Emanuel Pinheiro. Fagundes calcula que Adilton deve passar de 20% dos votos válidos da Região Metropolitana, enquanto Emanuelzinho vê possibilidade de “conquistar até 25% ou mais” dos votos.

“É certo que são muitos candidatos ao Senado com nome à disposição dos eleitores da chamada Baixada Cuiabana. Todavia, com o trabalho que começamos há poucos dias, sem dúvida, muitos que não conhecem direito passarão a saber quem é e até a admirar Sachetti”, avaliou Fagundes, na quinta-feira (30), durante ato político de lançamento da candidatura do empresário Alan Zanatta, para deputado estadual.

Fagundes citou que a Região Metropolitana de Cuiabá possui quase um terço do eleitorado de Mato Grosso (total de 2,2 milhões) e comparou a situação de Adilton à dele próprio, há quatro anos. Ele recordou que, em 2014, se elegeu para o Senado na chapa de oposição e que agora Sachetti tem um candidato a governador para lhe dar musculatura.

Já Emanuelzinho elencou as qualidades de Adilton como administrador e como parlamentar municipalista. Ele se comprometeu em pedir votos para o candidato ao Senado pelo PRB. “É meu candidato a senador. O senhor pode contar comigo e com meus apoiadores nesta caminhada. Estamos juntos”, proclamou Emanuelzinho, pouco antes de posar para fotos ao lado de Sachetti, Fagundes e Zanatta.

A primeira-dama de Cuiabá, dona Márcia Pinheiro, mulher do prefeito Emanuel Pinheiro, também declarou voto para Adilton Sachetti para senador da República.

Texto e foto: Ascom – deputado federal Adilton Sachetti 
Edição: Agência PRB Nacional

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro