Extração e beneficiamento de potássio no Amazonas será debatido em audiência na Câmara

Evento foi proposto pelo deputado federal Capitão Alberto Neto (PRB-AM) durante sessão na Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia

Publicado em 09/04/2019 - 00:00

Extração e beneficiamento de potássio no Amazonas será debatido em audiência na Câmara
Evento foi proposto pelo deputado federal Capitão Alberto Neto (PRB-AM) durante sessão na Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia

Brasília (DF) – O deputado federal Capitão Alberto Neto (PRB-AM) apresentou requerimento durante sessão na Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia (Cindra) para realização de audiência pública com intuito de apresentar e debater a viabilidade social, política, econômica e ambiental da extração do potássio no Amazonas.

Atualmente, 95% do potássio consumido no Brasil é importado de países como Canadá, Rússia, Alemanha e Israel. No Brasil um dos maiores depósitos do elemento químico fica no município de Autazes, sendo capaz de suprir de 20% à 30% da necessidade do Brasil.

Para o deputado do PRB, esta é uma grande oportunidade para desenvolver a economia do município. “Autazes hoje é conhecida como a terra do leite, mas pode se desenvolver ainda mais com a extração do Potássio, essa é uma ótima oportunidade é geração de renda direta e indireta no município”, disse Capitão Alberto Neto.

Segundo o republicano, neste início de ano, os chineses buscaram o Governo do Amazonas para articular uma parceria na busca de fertilizantes fabricados a partir de potássio. Sabendo do interesse da China e vendo que essa pode ser uma grande fonte de renda econômica para o município de Autazes, que abriga cerca de 37 mil habitante, o parlamentar sugeriu a realização da audiência pública para estudar a viabilidade de extração do fertilizante.

De acordo com o deputado, com a exploração do potássio será possível gerar cerca de 1.200 vagas de empregos diretos na fase de implantação e aproximadamente 1.500 na fase de operação e cada emprego direto gerado quatro novos empregos são gerados indiretamente no Brasil. Segundo ele, o Amazonas detém a maior reserva do país, com depósitos que ultrapassam a marca de um bilhão de toneladas. 

Saiba mais

O potássio é um elemento essencial para o processo de crescimento das plantas. Quando falta potássio no solo, os vegetais ficam menos resistentes às mudanças climáticas e ao ataque de pestes. A qualidade das lavouras também é comprometida, com caules mais fracos, grãos de tamanho menores e formatos irregulares. O solo brasileiro é pobre em potássio, por isso, é necessário adicioná-lo como fertilizante.

Nossa saúde também depende de potássio. A carência desse elemento no corpo humano pode provocar câimbras, problemas de crescimento, dificuldades respiratórias, derrames e até a diminuição dos abatimentos cardíacos.

Texto: Ascom – deputado federal Capitão Alberto Neto
Edição: Agência PRB Nacional
Foto: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro