Crivella visita Hospital Souza Aguiar para ouvir servidores antes da posse

Crivella visita Hospital Souza Aguiar para ouvir servidores antes da posse

Crivella visitou o setor de emergência, onde recebeu sugestões para sua gestão e elogios de médicos, enfermeiros e técnicos pela iniciativa de ouvir os profissionais

Publicado em 14/11/2016 - 00:00

Crivella visita Hospital Souza Aguiar para ouvir servidores antes da posse
A municipalização dos hospitais federais esteve em pauta durante visita ao Hospital Souza Aguiar

Rio de Janeiro (RJ) – O prefeito eleito, Marcelo Crivella (PRB), iniciou na manhã desta segunda-feira (14), pelo Hospital Souza Aguiar, uma série de visitas a unidades de saúde do município. Acompanhado do futuro secretário, Carlos Eduardo, Crivella visitou o setor de emergência, recebeu diversas sugestões para sua gestão e elogios de médicos, enfermeiros e técnicos pela iniciativa de ouvir os profissionais antes mesmo de tomar posse. A municipalização dos hospitais federais esteve em pauta durante o encontro.

“A municipalização dos hospitais federais pode ser boa, mas é preciso que sejam preservados os repasses. É importante o gestor estar mais próximo das demandas. A negociação está em curso, em Brasília, com o Ministério da Saúde; vamos aguardar o desfecho. Uma coisa é certa, a saúde será a grande prioridade do meu governo. Cuidando da saúde das pessoas, nós estaremos cuidando das pessoas; este foi nosso principal compromisso de campanha e o que nos trouxe até aqui”, disse Crivella.

O presidente do Sindicato dos Médicos do Rio, Jorge Darze, propôs a Crivella que faça uma gestão compartilhada,  ouvindo sempre os profissionais da área:

“Sugeri ao Crivella que ele despache pelo menos duas vezes por semana de dentro de uma unidade de saúde. Isso é muito importante, prefeito e secretário precisam vivenciar de perto os problemas e tomar as decisões junto com os profissionais. Nossa rede está doente e não tem condição de dar o melhor atendimento a nossa população. Queriam pôr em extinção o servidor público de carreira. Temos que mudar isso para coloca-lo em ascensão. Temos que inverter essa lógica perversa “, afirmou Darze.

A valorização dos profissionais da saúde, com um efetivo plano de cargos e salários, foi o pedido mais ouvido por Crivella durante sua visita à maior emergência do Rio de Janeiro. Médicos e enfermeiros fizeram ainda um apelo pela volta do CTI pediátrico, cuja estrutura foi levada para o Hospital Jesus.

Texto: Ascom – Marcelo Crivella
Foto: Edvaldo Reis
Edição: Agência PRB Nacional

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro