Carlos Macedo destaca a corrupção como principal fator de degradação da saúde do Rio

Republicano participou do lançamento da Frente Parlamentar para o Enfrentamento ​d​o Câncer na Alerj

Publicado em 21/04/2017 - 00:00

Republicano participou do lançamento da Frente Parlamentar para o Enfrentamento do Câncer na Alerj

Rio de Janeiro (RJ) – Durante o lançamento da Frente Parlamentar para o Enfrentamento do Câncer, na última quarta-feira (19), na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), o deputado estadual Carlos Macedo (PRB-RJ) ressaltou que a corrupção levou à degradação do sistema de saúde do Rio e destacou a política de prevenção como fator preponderante na estratégia de recuperação dos serviços públicos de saúde. O evento marcou o início de um trabalho para compreender o que já existe de políticas públicas em relação ao câncer no estado e indicar ações para o futuro.

“A corrupção mata, e nós temos visto episódios tristes, somados à situação financeira calamitosa do nosso Estado, lamentavelmente, como o ex-governador e o ex-secretário de saúde presos por desvio de muito dinheiro, que poderia estar sendo investido na saúde pública e salvando vidas. Nós já temos problemas financeiros sérios, o Estado está quebrado, a saúde é uma luta cara, e a luta contra o câncer é ainda maior e mais dolorosa para todos”, disse Carlos Macedo, defendendo políticas efetivas de prevenção como contribuição fundamental para a saúde da população, bem como desafogar o sistema de saúde:

“Isso é muito da nossa cultura. Todos sabemos que o diagnóstico precoce aumenta muito as chances de cura do câncer. Se compreendêssemos a importância da prevenção, os gastos com hospitais, as cirurgias e outros tratamentos seriam muito menores. Temos que mudar a nossa mentalidade e passar a tratar da saúde, e não da doença”, concluiu o deputado.

O lançamento da Frente Parlamentar foi criada por deputados da Alerj com o objetivo de acompanhar a assistência oncológica da população do Estado do Rio de Janeiro, bem como disseminar informações sobre a doença e os tipos mais comuns no estado. Também estão previstos debates, simpósios, seminários e outros eventos sobre a temática.

Além da presença de deputados estaduais e do subsecretário de Saúde do Estado, Dr. Charbel Khouri, o evento teve a participação de importantes instituições que batalham pela causa, como a Fundação do Câncer e o INCA, que apresentaram o plano estadual de oncologia, além de um panorama geral da questão da doença no estado. Os institutos Desiderata e Ronald McDonalds também participaram e abordaram sobre a rede de atendimento ao câncer infanto-juvenil e o diagnóstico precoce.

Texto e foto: Ascom – deputado estadual Carlos Macedo

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: [email protected]. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro
Send this to a friend