Carlos Macedo defende criação da semana de incentivo ao disque-denúncia no RJ

O objetivo é ampliar o interesse da população em denunciar visando à apuração de crimes e outros delitos por meio de denúncia anônima. Projeto foi aprovado na última quarta-feira (12)

Publicado em 17/04/2017 - 00:00

carlos-macedo-prb-defende-criacao-da-semana-de-incentivo-ao-disque-denuncia-no-rj-foto-cedida-17-04-17
O objetivo, segundo Carlos Macedo, é ampliar o interesse da população em denunciar visando à apuração de crimes e outros delitos por meio de denúncia anônima, via telefone

Rio de Janeiro (RJ) – A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro aprovou na última quarta-feira (12) o Projeto de Lei nº 954/2015, de autoria do deputado estadual Carlos Macedo (PRB), que trata da criação da Semana de Incentivo ao Disque-Denúncia e Outros Canais de Telefonia Anônimos.

O objetivo, segundo o parlamentar, é ampliar o interesse da população em denunciar visando à apuração de crimes e outros delitos por meio de denúncia anônima, via telefone. “Queremos fortalecer a ideia de que é possível mobilizar todos sobre a importância da utilização, de forma responsável, desses dispositivos. O ato de denunciar traz muitos benefícios no auxílio a investigações pela polícia e outros órgãos responsáveis. Reforçar a imagem do serviço e estimular um maior número de pessoas a prestar informações elucidativas, soluciona, muitas vezes, procedimentos policiais estagnados por falta de suporte investigatório”, disse o deputado.

Pelo texto, a semana de incentivo acontecerá na primeira semana do mês de maio. Caberá aos órgãos responsáveis fazerem a divulgação massiva, assim como a listagem de telefones para os diversos tipos de denúncia, cada qual em sua especificidade.

“Apesar dos resultados mostrarem disposição da população em não aceitar mais a impunidade e a omissão, ainda encontramos barreiras que devem ser suplantadas. Por isso, devemos estimular a denúncia anônima dos cidadãos, ajudando assim nas investigações criminais de quaisquer naturezas, que tantos prejuízos causam ao homem de bem e às instituições públicas e privadas”, concluiu Carlos Macedo.

O projeto foi aprovado em segunda discussão e segue agora para sanção do governador Luiz Fernando Pezão.

Texto: Ascom – deputado estadual Carlos Macedo
Foto: Mariana Ramos

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: [email protected]. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro
Send this to a friend