Bulhões critica ideologização na Educação

Líder questiona alguns métodos adotados pelo MEC

Publicado em 17/12/2012 - 00:00

Bulhões critica ideologização na Educação
Líder questiona alguns métodos adotados pelo MEC

Brasília (DF) – Em pronunciamento na Câmara dos Deputados, o líder do PRB na casa, Antonio Bulhões, criticou a adoção de algumas questões em uma prova de seleção do Instituto Federal de Educação do Espírito Santo, no qual o Ministério da Educação (órgão que aprova a elaboração e dá as diretrizes para os exames) apresentou um quadro na prova que retratava explicitamente o sexo oral para criticar “as mais doces mentiras da propaganda capitalista”. Segundo Bulhões, “os progressistas morais do Ministério, para chocar os alunos com ideologia anticapitalista, nãos se preocupam com os limites éticos de separação entre a família e o Estado”.

Sem deixar de atribuir parte da responsabilidade por esses abusos a famílias que relegam ao Estado todo o processo de educação dos filhos, deixando de apregoar seus valores morais, Bulhões advertiu que os sábios morais do MEC, após instituírem máquina self service de camisinhas nas escolas, “agora trazem pornografia para o exame de admissão”. E acrescentou: “Como não prezam a metodologia com base em padrões de causa e consequência, quando descobriram o aumento da gravidez indesejada culparam o consumismo da sociedade moderna e não a moral enviesada ensinada nas escolas.”.

O líder republicano lembrou que nas escolas privadas o programa pedagógico é de responsabilidade da direção. “Se a família estiver descontente com o que é ensinado aos filhos, a reclamação será facilmente admitida porque, afinal, o cliente sempre tem razão. Por isso, o ideal utópico de que os filhos de pobres estudem nas escolas de ricos, para tentar escapar do proselitismo ideológico e da vulgaridade”.

Bulhões concluiu lembrando que o Brasil precisa é de ensino na acepção clássica do termo nas escolas, com uma reformulação curricular que eleve a educação brasileira nos atuais rankings internacionais. “Talvez seja hora de atentar para a pedagogia do ensino. De um ensino que se paute na educação ética e que saiba reconhecer os limites entre os valores tradicionais da família, vendo o Estado com entidade servidora da sociedade. E não como o contrário”.

Texto: Paulo Gusmão – Liderança do PRB
Foto: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro