Amaro Neto critica atraso nos recursos do Minha Casa Minha Vida

Republicano argumenta que a demora pode acabar com mais de dois mil postos de trabalho na construção civil do ES

Publicado em 05/04/2019 - 00:00

Amaro Neto critica atraso nos recursos do Minha Casa Minha Vida
Republicano argumenta que a demora pode acabar com mais de dois mil postos de trabalho na construção civil do ES

Brasília (DF) – O deputado federal Amaro Neto (PRB-ES) cobrou esclarecimentos do governo federal sobre o atraso nos repasses e contingenciamento orçamentário para o programa Minha Casa Minha Vida, entre outras linhas de financiamento para habitação popular. O montante em atraso chega à cifra de R$ 470 milhões.

“A situação é alarmante. Já são mais de 60 dias de atraso, só no Espírito Santo. As obras estão paradas por falta de pagamento. Empresários de pequeno, meio e grande porte estão falindo ou caminhando à falência”, disse o republicano, durante reunião na Comissão de Desenvolvimento Econômico (CDEICS) da Câmara dos Deputados.

Amaro Neto informou que, segundo o Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon), cerca de três mil unidades habitacionais, em onze empreendimentos, correm o risco de fechar levando à demissão 2,4 mil postos de trabalho.

O colegiado aprovou o Requerimento 12/19, subscrito pelo parlamentar, para realização de uma audiência pública, com a participação da Caixa Econômica Federal e do Ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto. O debate será promovido no próximo dia 25, quinta-feira, às 9h30, na própria Comissão de Desenvolvimento Econômico.

Texto: Fernanda Cunha, com informações da Ascom – deputado federal Amaro Neto
Foto: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

Reportar Erro