Republicanos mantém crescimento nestas eleições e está entre as 10 maiores siglas

Partido ganha reforço no Senado e passa a ter a 8ª maior bancada na Casa

Publicado em 05/10/2022 - 07:53

Fonte: Câmara dos Deputados.

Brasília (DF) – Com uma votação expressiva, o Republicanos comprovou seu papel de destaque no cenário político conquistando a 6ª maior bancada da Câmara dos Deputados. Um crescimento de 36,6% quando comparado com a eleição anterior, ficando à frente de partidos tradicionais, como o PSDB. O PL encabeça a lista reforçando a importância da filiação do presidente da República, Jair Bolsonaro, que agregou aliados na legenda. 

O Republicanos também ganhou um reforço no Senado e tem hoje a 8ª maior bancada da Casa. Damares Alves, eleita no Distrito Federal, e General Hamilton Mourão, no Rio Grande do Sul, completam o time de senadores, que já contava com Mecias de Jesus, de Roraima, eleito em 2018. 

Nessas eleições, o Republicanos saiu das urnas com uma votação para lá de expressiva ao conquistar a confiança de mais de 29 milhões de eleitores em todo o país. A sigla elegeu 41 deputados federais, 76 deputados estaduais, 2 senadores, 1 governador e 2 vice-governadores. Confira a relação completa dos eleitos aqui

Região Sudeste

Em São Paulo, cinco republicanos foram reeleitos para a Câmara dos Deputados. Celso Russomanno foi o mais bem votado. Ele recebeu mais de 305 mil votos, seguido do presidente nacional do partido, Marcos Pereira, reeleito com mais de 231 mil votos. Vinicius Carvalho (113.009 votos), Milton Vieira (98.557 votos) e Maria Rosas (94.787 votos) também foram reeleitos. Já na Assembleia Legislativa de São Paulo, o partido conquistou oito cadeiras. Foram reeleitos os deputados: Jorge Wilson Xerife Consumidor (177.614 votos), Sebastião Santos (104.374 votos), Altair Moraes (98.515 votos), Gilmaci Santos (96.361 votos) e Edna Macedo (82.932 votos). Eleitos para o primeiro mandato: Tomé Abduch (221.656 votos), Rui Alves (91.717 votos) e Vitão do Cachorrão (56.729 votos).

No Rio de Janeiro, a sigla será representada na Câmara dos Deputados por Marcelo Crivella, que obteve 110.450 votos, Rosangela Gomes (76.292 votos) e Jorge Braz (59.201 votos). Na Assembleia Legislativa, foram reeleitos Danniel Librelon (80.970 votos), Tia Ju (63.373 votos) e Carlos Macedo (62.495 votos).

Em Minas Gerais, foram reeleitos os deputados federais Gilberto Abramo (123.370 votos) e Lafayette Andrada (68.677 votos). Na Assembleia Legislativa, o Republicanos reelegeu Mauro Tramonte (110.741 votos), Carlos Henrique (82.881 votos) e Charles Santos (61.727 votos).

No Espírito Santo, o partido reelegeu o deputado federal Amaro Neto (52.375 votos) e elegeu Messias Donato (42.640 votos). Para a Assembleia Legislativa, foram eleitos Sergio Meneguelli (138.523 votos), Hudson Leal (20.804 votos), Alcântaro (15.742 votos) e Bispo Alves (14.474 votos).

Região Sul 

No Paraná, o Republicanos elegeu o deputado federal Diego Garcia (65.416 votos). Na Assembleia Legislativa, foram reeleitos: Alexandre Amaro (52.198 votos), Cantora Mara Lima (46.011 votos) e Marcio Pacheco (36.423 votos).

No Rio Grande do Sul foram eleitos para a Câmara o Tenente Coronel Zucco (259.023 votos), Franciane Bayer (40.555 votos) e reeleito o presidente estadual do partido, Carlos Gomes (102.363 votos). Na Assembleia Legislativa, foi reeleito Sergio Peres (74.685 votos) e eleitos Gustavo Victorino (112.920 votos), Delegado Zucco (59.648 votos), Eliana Bayer (35.288 votos) e Capitão Martim (29.040 votos).

Já em Santa Catarina, foi reeleito para a Assembleia Legislativa o deputado Sergio Motta (44.666 votos), presidente estadual do partido.

Região Nordeste

Em Pernambuco, foram reeleitos para a Câmara dos Deputados, Silvio Costa Filho (162.056 votos), presidente estadual do partido, e Augusto Coutinho (101.142 votos). Para a Assembleia Legislativa, foi reeleito o deputado William Brigido (55.358 votos), e Mario Ricardo (48.699 votos), eleito pela primeira vez para a vaga.

Na Bahia, o partido reelegeu Márcio Marinho para o sexto mandato (118.904 votos), e Alex Santana (106.940 votos), e elegeu Rogeria Santos (82.012 votos). Na Assembleia Legislativa baiana foram reeleitos: Samuel Junior (98.914 votos), Jurailton Santos (80.601 votos) e José de Arimateia (77.995 votos).

Em Alagoas, o Republicanos aumentou sua bancada na Assembleia. Foi reeleito Antônio Albuquerque (41.748 votos) e eleito André Silva (31.036 votos).

Na Paraíba, se comparado a 2018, o partido aumentou em 200% a representação na Câmara dos Deputados, saindo de uma cadeira para três nessas eleições. O partido reelegeu Hugo Motta (158.171 votos), o mais bem votado do estado, e Wilson Santiago (84.407 votos), além de Murilo Galdino (112.891 votos), eleito para o primeiro mandato. Já na Assembleia Legislativa, o crescimento foi de 700%. A sigla, que antes tinha um deputado, agora terá oito. Foram reeleitos Adriano Galdino (59.329 votos), Wilson Filho (47.129 votos), Jutay Meneses (33.272 votos) e Branco Mendes (31.202 votos); e eleitos, Michel Henrique (46.699 votos), Marcio Roberto (40.909 votos), Francisca Motta (40.230 votos) e Danielle do Vale (37.235 votos).

No Ceará, os deputados estaduais David Durand (78.419 votos) e Apóstolo Luiz Henrique (35.149 votos) foram reeleitos para a Assembleia Legislativa.

Já no Piauí, foi eleito o deputado estadual, Jeová Alencar (44.095 votos). No Maranhão, Cleber Verde (70.275 votos) foi reeleito para o quinto mandato na Câmara dos Deputados, e Janaína Ramos (38.927 votos) foi eleita deputada estadual.

Em Sergipe, Gustinho Ribeiro (71.831 votos) foi reeleito, e Delegado André David (31.597 votos), foi eleito para o primeiro mandato. Para a Assembleia Legislativa, a sigla conseguiu eleger três novas deputadas: Dra. Lidiane Lucena (37.332 votos), Carminha (34.790 votos) e Aurea Ribeiro (26.200 votos).

Região Norte

No Acre, foram eleitos para ocupar uma vaga na Câmara dos Deputados, Antônia Lucia (16.280 votos) e Roberto Duarte (14.522  votos). Para a assembleia, Clodoaldo Rodrigues (8.227 votos), Tadeu Hassem (6.175 votos) e Gene Diniz (5.512 votos).

Em Roraima, o partido elegeu o vice-governador, Edilson Damião. O deputado federal Jhonatan de Jesus (19.881 votos) foi o mais bem votado para o quarto mandato. Também foram eleitos para a Câmara dos Deputados o Defensor Stélio Dener (14.193 votos) e Albuquerque (14.015 votos). Na Assembleia Legislativa, Marcos Jorge (7.624) foi eleito para o primeiro mandato, e se reelegeram os deputados Soldado Sampaio (8.746 votos), Tayla Peres (7.292 votos) e Gabriel Picanço (3.861 votos).

No Amapá, o Republicanos reelegeu o deputado estadual Pastor Oliveira (6.897 votos). No Pará, foi reeleito para uma vaga de deputado estadual, Fábio Freitas (58.689 votos), e eleito para o primeiro mandato, Josué Paiva (36.874 votos). Já Rondônia reelegeu Alex Redano (19.549) e elegeu Delegado Rodrigo Camargo (11.804) para a Assembleia Legislativa do estado.

No Amazonas, foi reeleito Silas Câmara (125.068 votos) e Adail Filho (90.028 votos) para uma vaga na Câmara. Na Assembleia Legislativa, o Republicanos será representado por João Luiz (44.940 votos) e Dra. Mayara (29.970 votos), reeleitos para mais um mandato.

Em Tocantins, o Republicanos reelegeu o governador Wanderlei Barbosa com 481.496 votos, no primeiro turno. Foram eleitos para a Câmara dos Deputados, Toinho Andrade (63.813 votos), Alexandre Guimarães (54.703 votos) e Ricardo Ayres (45.880 votos). E na Assembleia Legislativa, sete deputados estaduais foram reeleitos: Léo Barbosa (32.885 votos), Jorge Frederico (24.929 votos), Amelio Cayres (22.921 votos), Nilton Franco (21.502 votos), Cleiton Cardoso (21.421 votos), Olyntho Neto (19.738 votos) e Valdemar Junior (17.779 votos).

Região Centro-Oeste

O Distrito Federal reelegeu o deputado federal Julio Cesar (76.274 votos), e ocupam pela primeira vez uma vaga na Câmara, os republicanos Fred Linhares (165.358 votos) e Gilvan Máximo (20.923 votos). Para a Câmara Legislativa, foi reeleito em quinto lugar, o deputado distrital Martins Machado (31.993 votos).

O estado de Goiás elegeu Jeferson Rodrigues (56.026 votos) para deputado federal, e na Assembleia Legislativa Quirino (31.559 votos) e Clecio Alves (28.322 votos). No Mato Grosso, o vice-governador, Otaviano Pivetta foi reeleito. Na Assembleia Legislativa do estado, foi eleito Diego Guimarães (25.907 votos), e Valmir Moretto (25.207 votos), reeleito. No Mato Grosso do Sul, o partido reelegeu Antonio Vaz (19.395 votos) para a Assembleia Legislativa.

Senado Federal

O Republicanos será representado na próxima Legislatura no Senado por Damares Alves, eleita com 714.562, e por General Mourão, eleito com 2,5 milhões de votos. Hoje o partido já ocupa uma cadeira na Casa com Mecias de Jesus, de Roraima, eleito em 2018.

Leia Mais

Eleições 2022: confira a lista dos republicanos eleitos pelo Brasil

Eleições 2022: com 41 deputados eleitos, Republicanos é a 6ª maior bancada na Câmara

Tarcísio vai para o segundo turno em São Paulo

Republicanos aumenta número de mulheres eleitas no Congresso

Republicanos registra votação histórica com mais de 29 milhões de votos no 1° turno

 

Texto: Agência Republicana de Comunicação – ARCO
Arte: Câmara dos Deputados 

 

Reportar Erro
Send this to a friend