Posse dos deputados eleitos, vice-presidência da Câmara e crescimento contínuo

Republicanos se tornou a oitava maior força política do país com a posse de 30 deputados federais eleitos para a 56º legislatura (2019-2023) em 1º de fevereiro de 2019

Publicado em 03/01/2020 - 00:00

A posse dos 30 deputados federais republicanos na Câmara dos Deputados para a 56º legislatura (2019-2023) marcou o mês de fevereiro. Com o apoio de mais de dez milhões de eleitores nas eleições 2018, o Republicanos foi a segunda legenda que mais cresceu e passou a ser a oitava força política no país. A sigla também garantiu um assento no Senado Federal com a posse de Mecias de Jesus (RR).

Vice-Presidência da Câmara

Depois de tomar posse para seu primeiro mandato como deputado federal, Marcos Pereira (Republicanos-SP) demonstrou força política ao ser eleito vice-presidente da Câmara com 398 votos dos 513 possíveis para o biênio 2019-2020. Durante sua campanha entre os deputados, o presidente nacional do Republicanos defendeu uma Câmara forte, produtiva e respeitada com gestão eficiente, diálogo e capacidade de unir divergentes, atributos característicos a ele e coerentes com sua história.

Novo líder

Após a solenidade de posse, os 30 deputados federais elegeram, por unanimidade, o deputado Jhonatan de Jesus (RR) como líder do Republicanos na Câmara. Em seu terceiro mandato como deputado federal, o parlamentar, de 37 anos, é o líder mais jovem da história do partido na Casa, e sucedeu o deputado federal Celso Russomanno (Republicanos-SP), líder em 2018.

Reforço na Câmara dos Deputados

Em 27 de fevereiro, o Republicanos ganhou um deputado federal com a filiação de Benes Leocádio, do Rio Grande do Norte, e a bancada passou para 31 deputados federais, que atingiu número regimental para pedir verificação do quórum nas votações no Plenário da Câmara. A ficha foi abonada pelo líder Jhonatan de Jesus.

Crescimento contínuo

O levantamento “Novo Congresso Nacional em Números”, do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), que avaliou o desempenho dos partidos políticos brasileiros, revelou que o Republicanos liderou o gráfico de ascensão e foi a única sigla que manteve crescimento contínuo. Nas eleições 2006, o partido elegeu um deputado federal e no pleito de 2010, foram oito. Nas eleições 2014, foram eleitos 21 deputados federais. Já na nas eleições 2018, o Republicanos conquistou 30 cadeiras, sendo alçada à oitava maior bancada da Câmara dos Deputados.

FRB

O mês de fevereiro também foi marcado pela reeleição do presidente da Fundação Republicana Brasileira (FRB), Renato Junqueira, que ocupará o cargo até fevereiro de 2021.

Por Agência Republicana de Comunicação – ARCO

Reportar Erro